Polícia

28.08.2018 às 09:05h - atualizado em 28.08.2018 às 09:18h - Polícia

Mãe de bebê morto em Chapecó deve ser indiciada por homicídio culposo

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Mãe de bebê morto em Chapecó deve ser indiciada por homicídio culposo

A mãe de um bebê de um mês de idade que morreu na madrugada da última sexta-feira, 24, após ser amamentado, deve ser indiciada por homicídio culposo, sem intenção de matar.

O caso aconteceu em Chapecó e, de acordo com o delegado da Divisão de Investigações Criminais, Wagner Pappini, a confirmação ou não de que o bebê morreu de asfixia, afogado com o leite materno após amamentação, depende ainda de laudo pericial. Mas, é provável que a mãe seja indiciada pela morte do bebê.

Em caso de condenação a pena é de um a três anos de detenção.

Entenda o caso:

Por volta das 5h30 do dia do crime, a mulher de 27 anos chegou ao Hospital Materno Infantil com o bebê já sem vida. Durante um procedimento de reanimação, a equipe médica constatou uma grande quantidade de leite saindo da boca do bebê, o que levantou a suspeita de asfixia por aleitamento materno.

Ainda de acordo com a equipe médica, a mãe estava em visível estado de embriaguez, fato constatado pela polícia logo na chegada ao hospital. Ela, inclusive, foi internada por embriaguez.

Uma amiga da mãe do bebê, em depoimento para a polícia, contou que na noite anterior as duas foram para uma festa em uma casa noturna e que beberam uma garrafa de vodca. Depois disso, a mãe teria voltado para casa e tentado dar de mamar ao filho, mesmo embriagada.

Fonte: DC

Comentar pelo Facebook

AL Contabilidade
Advocacia Fávero
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.