28.03.2018 às 10:29h - Catarinense Sicoob 2019

Com transmissão da Peperi, Chape e Figueira antecipam emoções da decisão

Marcos de Lima

Por: Marcos de Lima São Miguel do Oeste - SC

Continua depois da publicidade

Continua depois da publicidade

Gostinho de decisão. Os finalistas do Campeonato Catarinense 2018 estarão frente a frente 10 dias antes da partida única e que vale o troféu. Chapecoense e Figueirense se enfrentam às 21h45 desta quarta-feira, 28, pela 16ª rodada. Há um ingrediente que faz o encontro ter peso: ainda está em jogo o mando de campo da finalíssima do Estadual. A Chape pode assegurar que a última partida da competição seja na Arena Condá, palco do duelo.

Com quatro pontos de vantagem sobre o adversário, o empate garante que Chapecó receba a decisão do Campeonato Catarinense pelo terceiro ano seguido. Para que a partida final ocorra em Florianópolis, com mando do Figueira, o Alvinegro precisa vencer o Verdão e na rodada seguinte vencer o Concórdia e torcer para que o adversário não vá além da igualdade contra o Avaí.

A Chapecoense coloca à prova nesta partida os 100% de aproveitamento na Arena Condá: oito vitórias nos oito jogos. Ainda, o time comandado pelo técnico Gilson Kleina tem como missão manter os números positivos da defesa, para ganhar força para a final. A equipe sofreu apenas seis gols nesta temporada – média de um a cada três partidas, a menor dentre os 20 clubes da Série A do Campeonato Brasileiro deste ano.

— Nós criamos uma identidade, sabíamos da força da Chapecoense dentro e fora de casa e tínhamos que recuperar isso. Hoje temos até aqui uma equipe consistente, que joga e se defende com a mesma intensidade — aponta o técnico Gilson Kleina.

Além da briga para tentar ser o anfitrião da decisão do Catarinense, o Figueirense tenta elevar a confiança após o returno um pouco abaixo da primeira metade da etapa inicial do campeonato. O time ficou três partidas sem vencer, quando perdeu a dianteira para a Chape, e sofreu a primeira derrota na competição. Ganhar o adversário na final em fora, eleva a confiança para a decisão.

Para esta partida, a Chape conta com o retorno de Wellington Paulista, que cumpriu suspensão no empate com o Brusque. Vinícius volta ao banco. O retorno do volante Márcio Araújo ao time titular é improvável. Ele ainda sente dores no tornozelo direito, ainda que os exames não apontem lesão. Será poupado e Canteros deve iniciar a partida. Na zaga Nery Bareiro teve um problema de visão e não treinou na véspera. Se ele não atuar, entra Douglas. O defensor fez sua última partida como titular justamente contra o Figueirense, o 0 a 0 no primeiro turno, quando fraturou o maxilar em disputa de bola.

Mesmo que tenha a disputa pelo mando de campo em aberto, o Figueirense deve contar com atletas que pouco atuaram. Até porque é grande a quantidade de desfalques e os jogadores que não estão nas melhores condições físicas serão preservados para que estejam recuperados para o dia 8. O zagueiro Eduardo fica de fora pelo terceiro cartão amarelo, mas o técnico Milton Cruz pode utilizar Nogueira, que cumpriu suspensão. Com dores musculares, Maikon Leite é preservado. O mesmo ocorre com o lateral Guilherme Lazaroni recuperado de lesão recentemente. Estão no departamento médico o zagueiro Cleberson, o volante Betinho, e os meias Felipe Amorim e João Paulo. Desta forma, Renan Mota deve seguir como titular.

—Independente se estão machucados ou não, são importantes para a gente e dão força, mas quero jogar. Tento fazer minha parte, quando entro nos jogos tento correr, dar assistência, fazer gol — disse.

FICHA TÉCNICA

CHAPECOENSE
Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas (Nery Bareiro) e Bruno Pacheco; Amaral, Elicarlos e Luiz Antonio; Vinícius (Canteros), Guilherme e Wellington Paulista. Técnico: Gilson Kleina.
FIGUEIRENSE
Denis; Samuel Santos, Eduardo, Nogueira e João Lucas; Zé Antônio, Abuda, Ferrareis, Jorge Henrique e Renan Mota; André Luis. Técnico: Milton Cruz.

ARBITRAGEM: Leandro Messina Perrone, auxiliado por Carlos Berkenbrock e Éder Alexandre
DATA E HORA: às 21h45 desta quarta-feira.
LOCAL: Arena Condá, em Chapecó.
TRANSMISSÃO: A Peperi transmite a partir das 20horas com narração de Roger Moura reportagem Marcos de Lima, externas Arno Costa e plantão Ridinei Heinle.

Continua depois da publicidade

AL Contabilidade
Advocacia Fávero

Comentários depois da publicidade

Comentários depois da publicidade

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.