Publicidade

27.11.2018 às 22:46h - atualizado em 27.11.2018 às 22:53h - Esportes

Guarani poderá participar do Catarinense Série C em 2019

Cristian Lösch

Por: Cristian Lösch São Miguel do Oeste - SC

Continua depois da publicidade

Guarani poderá participar do Catarinense Série C em 2019
Divulgação / Portal Peperi

Continua depois da publicidade

Com intuito de fortalecer a competição de ingresso dos clubes no futebol profissional, a Federação Catarinense de Futebol realizou na tarde desta terça-feira, 27, a reunião prévia do conselho técnico do Campeonato Catarinense da Série C de 2019. Doze dos quinze clubes aptos a participar compareceram. O Clube Esportivo Guarani foi uma das equipes que estiveram presentes nesta conversa.

Três clubes com direito adquirido de participação na competição em 2019 não compareceram: Operário de Mafra, Porto e Caçador.O Catarinense Série C está previsto para acontecer entre os meses de setembro a dezembro no calendário de 2019. A segunda e definitiva reunião do conselho técnico, que definirá o número de participantes e a forma de disputa do Catarinense Série C, será no dia 28 de maio, também na sede da FCF, em Balneário Camboriú.

O presidente da FCF, Rubens Renato Angelotti, abriu a reunião cumprimentando os presentes, parabenizando o Próspera pelo título da edição de 2018 e reiterando a intenção da Entidade em qualificar o Catarinense Série C.” Tivemos um bom campeonato da Série C este ano, mas precisamos melhorar”. Logo em seguida o diretor de Competições Especiais, Carlos Crispim, iniciou a explanação sobre os critérios de participação das equipes e as exigências que deverão ser atendidas.

Como o Catarinense Série C abrange os novos clubes, os clubes que estejam reativando seus departamentos de futebol profissional e os clubes que buscam profissionalização para participar, a reunião prévia do conselho técnico serviu para instruir os dirigentes sobre critérios de participação na competição.

Foram repassadas aos dirigentes todas as informações e prazos para adequação e a participação na competição: profissionalização para associações os clubes empresa; quitação de débitos junto à FCF e ao Tribunal de Justiça Desportiva; cumprimento dos parâmetros determinados no Manual de Infraestrutura de Estádios da FCF; e também exigências mínimas de estrutura administrativa dos clubes.

Independentemente da situação, todos os clubes terão que regularizar suas pendências e enviar os quatro laudos de viabilidade das praças de esportes até o dia 30 de abril, conforme a Portaria 290/15, do Ministério dos Esportes. Clubes que não participaram desta reunião prévia não disputarão a competição. Os clubes terão até o dia 15 de fevereiro para indicar um estádio onde a equipe profissional irá atuar e outros dois estádios onde as categorias de base poderão mandar partidas.

Continua depois da publicidade

AL Contabilidade
Advocacia Fávero
Nedel Celulares.

Comentários depois da publicidade

Comentários depois da publicidade

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.