cresol mobile

22.08.2020 às 08:52h - atualizado em 22.08.2020 às 17:56h - Chuvas

Dois meses após tornado família de Descanso ainda trabalha na reconstrução das edificações

Joana Reichert

Por: Joana Reichert Iporã do Oeste - SC

Dois meses após tornado família de Descanso ainda trabalha na reconstrução das edificações

Continua depois da publicidade

Eder e Claudiane Berwing e seus quatro filhos, moradores da linha Macaco Branco, Descanso, estão entre as famílias atingidas pelo tornado registrado no final do mês de junho.

O fenômeno causou diversos prejuízos, principalmente em Descanso e Belmonte.

Conforme o agricultor, após os danos causados pelo tornado o que chamou atenção foi a ajuda de vários voluntários que vieram de diversos locais da região.

Como praticamente todas as construções da propriedade foram derrubadas pelo forte vento, Eder cita que houve o auxílio de vizinhos que se dispuseram a abrigar e ordenhar os animais, até que as edificações fossem reconstruídas.

A família usou recursos próprios e de financiamento do Pronaf para reconstrução das edificações, mas ainda restam melhorias a serem feitas no galpão das máquinas e na residência.

Claudiane diz que nunca imaginou ter que passar por uma situação dessas, e quando o temporal começou, ficou abraçada dentro de casa com a filha mais velha. Ela conta que além do barulho com o estouro das vidraças, até galhos de árvores foram arremessados pelo forte vento para dentro da casa.

A agricultora lamenta que o que levou anos para ser construído, foi devastado em questão de minutos. Para a reconstrução, Eder conta que foi necessário ter paciência para fazer o planejamento correto e não se arrepender depois.

Ele cita que o prejuízo da família foi grande, superior a R$ 500 mil, mas da mesma forma, o auxílio que receberam depois foi ainda maior, pelo que afirma ser muito grato.

O agricultor considera que por parte dos governos estadual e federal deveria haver maior atenção às famílias que tiveram perdas, pois avalia que o auxílio em crédito é pouco para quem perdeu praticamente tudo.

Foto(s): Jornei de Souza

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.