cresol mobile

22.05.2020 às 11:43h - atualizado em 22.05.2020 às 13:52h - Política

Projeto sobre redução salarial dos políticos será analisado na próxima semana

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Projeto sobre redução salarial dos políticos será analisado na próxima semana
Arq. Portal Peperi

Continua depois da publicidade

A Câmara de Vereadores de Romelândia vai iniciar na próxima semana a discussão das emendas sobre o projeto de lei que visa a redução salarial de todos os agentes políticos do município. A informação é do vereador do PSDB, Danilo Da Fonseca.

De acordo com ele, o início dos trabalhos sobre esse tema será na próxima segunda-feira, 25. Conforme ele, a sessão que vai apreciar esse projeto vai ter início às 19h. Segundo Fonseca, toda a população está convidada para acompanhar o debate através da página da Câmara de Vereadores de Romelândia no facebook.

Ele afirmou que assim como outros municípios, a Câmara de Vereadores de Romelândia está realizando sessões online em virtude da pandemia causada pela Covid-19. Ele ressaltou que em virtude disso, a população não poderá se deslocar até a câmara, porém ele espera que as pessoas acompanhem de casa a transmissão via facebook.

Fonseca destacou que desde a apresentação da ideia para a população, o presidente do legislativo, João Zanrosso Netto, também apresentou um projeto que visa a redução salarial de todos os agentes políticos do município.

O vereador do PSDB, Danilo da Fonseca comentou que o projeto apresentado pelo presidente da Câmara de Vereadores de Romelândia visa estabelecer que vereadores e vice-prefeito recebam mensalmente um valor de R$ 1.500. Ele disse que o teto para secretários municipais seria de R$ 3.900 e para prefeito o valor seria de R$ 11 mil.

Fonseca lembrou que apresentou uma emenda onde projeta que vereadores recebam um salário mínimo, sendo atualmente de R$ 1.045, secretários o valor de R$ 3.900 e para prefeito o valor máximo de R$ 4.000 mensais.

Danilo da Fonseca declarou que a vida política não deve ser para ganhar dinheiro e por isso a redução é justificada. Ele explicou que o projeto que visa a redução salarial dos agentes políticos de Romelândia não foi apresentado antes, pois nos mandatos anteriores os vencimentos recebidos pelos políticos era bem inferior ao recebido atualmente. Ele revelou que essa redução também visa atender um anseio da população.

Fonseca lembrou ainda que também cobrou do Estado um posicionamento sobre a limpeza da SC-161. Ele disse que já fazem dois anos que o Deinfra não executa melhorias nas margens da rodovia. Ele revelou que se não houver alguma ação por parte do governo, nos próximos dias haverá uma espécie de mutirão para a limpeza da SC-161.

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.