21.10.2019 às 13:18h - atualizado em 21.10.2019 às 13:44h - Política

Vereador rebate falas e diz que prefeito quer jogar população contra a oposição

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Vereador rebate falas e diz que prefeito quer jogar população contra a oposição

Continua depois da publicidade

O presidente da Câmara de Paraíso, Joel Gehlen, rebateu mais uma vez as afirmações feitas pelo prefeito Valdecir Casagrande. A troca de farpas ainda é sobre o projeto que autoriza a prefeitura a contrair um empréstimo superior a R$ 2 milhões para a reconstrução do ginásio da Linha Grápia, implantação de usina fotovoltaica e a compra de uma motoniveladora e de um britador móvel.

Do total pretendido pelo município, a Câmara autorizou um financiamento de apenas R$ 800 mil. Na última semana, o prefeito disse em entrevista para a Peperi que o valor para o empréstimo não está mais disponível na Caixa porque houve má vontade e demora dos vereadores para votar o projeto.

Gehlen contestou a informação do prefeito e disse que ela não é verdadeira. Ele afirmou que o prefeito está jogando a população contra os vereadores de oposição.

O vereador destacou que entrou em contato com o gerente da Caixa e afirmou ter recebido a informação de que Paraíso ainda pode acessar recursos do programa Finisa na modalidade de empréstimo com garantia da União. Gehlen explicou que para acessar os valores é preciso apenas que o prefeito faça algumas pequenas adequações no projeto enviado para a Câmara de Vereadores.

O vereador afirmou que a câmara tem total autonomia e não pode ser mandada pelo prefeito. Ele comentou que os vereadores estão preocupados em não deixar dívidas para outras administrações e por isso se posicionaram parcialmente contrários ao projeto inicial.

Gehlen disse ainda que essa é a primeira vez na história do município que a Câmara não é mandada pelo prefeito.

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.