cresol mobile

19.06.2020 às 12:58h - Coronavírus

Vice-prefeito de Palma Sola recebe alta hospitalar

Kelly Figueiró

Por: Kelly Figueiró São José do Cedro - SC

Vice-prefeito de Palma Sola recebe alta hospitalar
Daiane Benetti / Ascom

Continua depois da publicidade

O vice-prefeito de Palma Sola, Moacir Sansigolo, de 49 anos, recebeu o diagnóstico de coronavírus no dia 11 de junho, estando internado no Hospital Regional Terezinha Gaio Basso, em São Miguel do Oeste, desde o dia 08. Ele seguiu em ambiente hospitalar por 10 dias, na maioria deles fazendo uso de oxigênio, até está quinta-feira, 18, quando recebeu alta e foi considerado recuperado de Covid.

Ele conta que começou a sentir os sintomas no sábado, 06, mas, como ainda eram leves, esperou até a segunda-feira, 11, para procurar atendimento médico, com os sintomas mais fortes. Procurou atendimento no Hospital Palma Sola e, após avaliação, foi encaminhado para o hospital regional.

Chegando na unidade, após cinco dias internado, já com a confirmação do vírus, começou a ficar mais debilitado, ficando com cerca de 90% do pulmão comprometido. "Pensei que iria morrer. Os médicos falaram que se eu não tivesse um organismo forte, a história poderia ser outra. A falta de ar é inenarrável, só com o uso do oxigênio para aliviar", conta. A partir do oitavo dia internado, começou a melhorar.

"Não tenho palavras para agradecer os profissionais, desde a equipe da limpeza até a médica, todos eles me trataram com muito carinho e profissionalismo. Quero ressaltar, mais uma vez, a importância do Sistema Único de Saúde- SUS, atendimento gratuito e de primeira linha. Que bom que temos esse sistema em nosso país", salienta.

O vice-prefeito está recuperado do coronavírus, mas segue tratando ainda uma pneumonia, que o acometeu durante o tratamento.

Sansiglo agradece também toda equipe da Administração Municipal e secretaria de Saúde. Ainda, os familiares e amigos que deram todo apoio necessário. "Para finalizar, gostaria de pedir para a população levar a sério as recomendações dos profissionais de saúde, não é só uma gripe, é muito mais grave. Vi muitas pessoas chegando no hospital com coronavírus, todos elas em graus diferentes. Mas, ninguém sabe como o organismo vai reagir, cada um terá uma história diferente. Então, não vamos arriscar. Se protejam, usem máscara, álcool em gel e evitem aglomerações ou qualquer outro contato, não sabemos quem tem o vírus".

Fonte: Ascom

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.