Polícia

15.03.2019 às 18:28h - atualizado em 15.03.2019 às 19:38h - Polícia

Polícia Civil identifica golpistas que causaram prejuízo de quase R$ 70 mil em Descanso

Kelly Figueiró

Por: Kelly Figueiró São José do Cedro - SC

Polícia Civil identifica golpistas que causaram prejuízo de quase R$ 70 mil em Descanso

Continua depois da publicidade

Dois suspeitos de aplicarem golpes em Descanso, em julho de 2017, causando um prejuízo superior a R$ 65 mil, acabaram presos em flagrante na cidade de Silvânia/GO, após ocorrências semelhantes.

Lembre o caso

No mês de julho de 2017 uma família compareceu na Delegacia de Descanso para registrar um prejuízo superior a R$ 65 mil, repassados a dois homens que se intitulavam 'índios' e que alegavam curar qualquer doença com suas ervas e chás. Os golpistas afirmavam que familiares estariam com câncer e que a doença passaria aos filhos caso não tomassem as plantas medicinais que eles forneceriam.

Os estelionatários disseram ainda que a propriedade possuía tesouro enterrado e que precisariam desenterrar para afastar uma maldição que assolava a família.

Numa das oportunidades, um dos autores exibiu pequenas pedras alegando serem diamantes da propriedade. Durante aproximadamente uma semana a dupla frequentou a casa das vítimas, sendo que a todo momento rezava e insistia no repasse de dinheiro para a cura das doenças, para evitar a morte de entes queridos e para encontrar os diamantes.

As vítimas repassaram aos criminosos R$ 64 mil em espécie e cheques compensados, além de dinheiro que possuíam na residência e produtos adquiridos no comércio local, totalizando valores próximos a R$ 70 mil.

A Polícia Civil tomou conhecimento semanas após o golpe, pois os autores não apareceram mais na propriedade para iniciar a escavação, quando então as vítimas desconfiaram do crime. Em dezembro do mesmo ano a polícia identificou um dos homens, representando pela prisão preventiva, deferida pelo Juiz da comarca.

Diversas diligências foram empenhadas para localizar o foragido, porém o mandado de prisão somente foi cumprido neste mês de março na cidade de Silvânia. Na oportunidade o homem de 30 anos também foi preso em flagrante, juntamente com seu pai, de 49 anos e sua avó, de 62, quando aplicava o mesmo golpe numa senhora de 75 anos.

Com a prisão, as vítimas reconheceram o segundo autor. Foi pedida também sua prisão preventiva, além do bloqueio e busca e apreensão dos veículos registrados em nome dos autores a fim de garantir futuro ressarcimento do prejuízo às vítimas.

Continua depois da publicidade

Comentários depois da publicidade

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.