14.01.2020 às 08:40h - atualizado em 14.01.2020 às 08:43h - Meio Ambiente

CRIME DE POLUIÇÃO: Depósito irregular de lixo na SC 163 prevê pena de reclusão e multa

Joana Reichert

Por: Joana Reichert Iporã do Oeste - SC

CRIME DE POLUIÇÃO: Depósito irregular de lixo na SC 163 prevê pena de reclusão e multa

Continua depois da publicidade

Fraldas, vidros, restos de móveis, plásticos, calçados, eletrodomésticos e eletrônicos são alguns dos materiais encontrados ao longo da rodovia, no sentido de Descanso a Iporã do Oeste. O lixo é facilmente encontrado em todo o trecho, mas dois pontos chamam atenção. Um deles é atrás de um abrigo de ônibus, em frente ao cemitério evangélico na linha Cabeceira do Taquarussu, e o outro, alguns metros à frente, em uma área de mata.

O depósito do lixo nestes locais ocorre com freqüência, e alguns materiais permanecem no local por muito tempo. Conforme o responsável pela empresa Serni Reciclagem Seletiva, Sérgio Mallmann, materiais como fraldas, vidros, restos de móveis, eletrônicos e eletrodomésticos não entram na coleta seletiva de lixo do perímetro urbano. No interior a recolha é também somente do lixo reciclável. O responsável orienta que para este tipo de materiais há campanhas específicas de recolha, não havendo a necessidade das pessoas fazerem o descarte de forma irregular.

Conforme a Polícia Militar Ambiental, o descarte incorreto de lixo, feito nestes dois locais, é um crime de poluição que resulta em reclusão de 1 a 4 anos. Além disso, é também uma infração administrativa que prevê multa que varia de R$ 5 mil até R$ 50 milhões, dependendo da gravidade do ato.

A PMA lembra que a população deve denunciar esse tipo de crime, sendo importante qualquer informação sobre a identificação do responsável. A Polícia conta também com uma estratégia de coleta e análise do material descartado para identificar e punir o responsável, mesmo que o fato não tenha sido flagrado no ato.

Foto(s): Joana Reichert/Clarí Wehrmann

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.