13.08.2019 às 17:16h - atualizado em 13.08.2019 às 17:17h - Geral

Prefeito é condenado à perda de mandato por improbidade administrativa

Rafael Beal Welfer

Por: Rafael Beal Welfer São Miguel do Oeste - SC

Prefeito é condenado à perda de mandato por improbidade administrativa

Continua depois da publicidade

O prefeito de Bocaina do Sul, Luiz Carlos Schmuler, foi condenado por improbidade administrativa e teve decretada a perda de função pública, e dos direitos políticos por oito anos. A decisão também determina a obrigação de ressarcir os cofres públicos e pagar multa civil.

A ação civil foi ajuizada pelo Ministério Público de Santa Catarina. A decisão é do dia 02 de agosto, mas foi divulgada nessa segunda-feira, dia 13, pelo TJSC. O prefeito do município afirmou que irá recorrer.

Segundo o MPSC, em 2014, o prefeito teria determinado que um servidor público, operador de máquina da Secretaria de Obras, fosse prestar serviços numa fazenda que está no nome da mulher dele, durante horário de expediente.

Consta no processo que Schmuler mandou o funcionário nivelar o chão da propriedade, onde seria construído um galpão. Esse serviço foi feito durante quatro dias com uma máquina alugada.

Conforme o TJ, ao saber da existência de fotos que comprovavam a improbidade e na tentativa de afastar a responsabilidade, o prefeito concedeu férias ao funcionário, sem que ele tivesse pedido. Além disso, o livro ponto da prefeitura foi rasurado no local onde estaria o horário de entrada e assinatura do servidor.

Fonte: G1

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.