Polícia

12.09.2018 às 16:17h - atualizado em 12.09.2018 às 18:45h - Polícia

PRF e Civil fazem coletiva para discutir os rachas na Willy Barth

Cristian Lösch

Por: Cristian Lösch São Miguel do Oeste - SC

PRF e Civil fazem coletiva para discutir os rachas na Willy Barth
Cristian Lösch / Portal Peperi

Na tarde desta quarta-feira a Polícia Rodoviária Federal e a Polícia Civil concederam uma coletiva para os meios de comunicação para falar sobre os chamados rachas, que estão acontecendo na Willy Barth.

Segundo o policial rodoviário federal Rober Hoelscher, os dados apurados pela PRF são dos últimos 12 meses. Nesse período foram registrado 61 acidentes envolvendo 117 veículos. 44 pessoas sofreram lesões leves e 9 tiveram lesões graves. Não houve mortes. 7 postes de energia acabaram danificados por causa dos acidentes. 6 deles foram danificados por motoristas que dirigiam embriagados, acima do limite de velocidade ou cometendo as duas infrações. Apenas uma colisão foi atribuída à falta de atenção do condutor.

- OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA.

Para o delegado de Polícia Civil Conrado Cintrão, as penalidades são graves para quem apostar racha ou pega na Willy Barth, ainda mais quando a prática resultar em colisão em poste ou morte A Polícia Civil está investigando um caso que aconteceu no mês de agosto, quando um carro atingiu um poste e o condutor fugiu. Imagens mostram que, provavelmente, o motorista estava disputando um racha.

- OUÇA A ENTREVISTA COMPLETA.

Foto(s): Cristian Lösch / Portal Peperi

Comentar pelo Facebook

Advocacia Fávero
AL Contabilidade
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.