12.06.2019 às 14:24h - atualizado em 13.06.2019 às 09:53h - Variedades

Mobilização em redes sociais resulta na implantação de abrigo para animais abandonados

Kelly Figueiró

Por: Kelly Figueiró São José do Cedro - SC

Mobilização em redes sociais resulta na implantação de abrigo para animais abandonados

Continua depois da publicidade

Nos últimos dias houve uma série de denúncias de maus-tratos a cachorros em municípios da tri fronteira. A partir da repercussão do caso nas redes sociais, a ajuda começou a chegar.

Conforme a idealizadora do projeto, Cristiane Muniz, o objetivo foi chamar atenção das autoridades sobre casos de maus-tratos. Ela conta ainda com a colaboração de um grupo de voluntárias que atuam em Dionísio Cerqueira, Barracão e região.

Cris explica que, apesar de não residir mais na região, recebe dezenas de denúncias sobre situações diversas de descaso do poder público, denúncias de crimes e também pedidos de ajuda. Por isso, a rede social tem sido um canal de ligação entre as pessoas que precisam daquelas que podem ajudar.

Ela revela que um dos casos mais graves foi registrado no Peperi-Guaçu onde os cães não tinham abrigo adequado e também havia pulgas e bicheiras. Um dos animais foi resgatado para tratamento e os demais ficaram sob a responsabilidade do proprietário, que, a partir da repercussão do caso, providenciou melhores conduções e casinhas.

Criz revela que houve ajuda também de empresários e moradores, que cederam um espaço. Na área pode ser construído um canil. Ela comenta que a intenção agora é conseguir os materiais para construção do espaço e também para manter os animais. Atualmente há mais de 30 animais que recebem ração e cuidados devido às doações que partem de toda região.

Outro caso recente foi ajuda a um jovem que trabalha na recolha de materiais recicláveis e precisava de auxílio. Com a mobilização, foi possível oferecer um tratamento odontológico ao rapaz, roupas, calçados e alimentos. Um empresário de São José do Cedro também aderiu a campanha e doou um celular para o adolescente, que dias atrás havia encontrado um aparelho e, mesmo sem ter telefone, devolveu ao proprietário.

Continua depois da publicidade

Comentários depois da publicidade

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.