12.06.2018 às 13:50h - atualizado em 12.06.2018 às 14:09h - Meio Ambiente

Vendaval tomba dois caminhões e deixa rastro de destruição no Rio Grande do Sul

Kelly Figueiró

Por: Kelly Figueiró São José do Cedro - SC

Vendaval tomba dois caminhões e deixa rastro de destruição no Rio Grande do Sul
foto Rádio Uirapuru

Bombeiros Voluntários de Tapejara/RS atenderam durante a madrugada desta terça-feira, 12, diversas ocorrências relacionadas ao temporal que atingiu Vila Lângaro e Água Santa,

Segundo as informações, o forte vento atingiu uma faixa de vários metros de extensão causando destruição e muitos estragos por onde passou. Em Água Santa ocorreu o desabamento de casas, aviários, galpões e instalações rurais. O temporal atingiu as comunidades de Faxinal, São Caetano, Rincão do Campo, Santa Rita, Engenho Grande, Campo Redondo, Bom Retiro, Colônia Nova, Rio do Peixe e interior de Coxilha e Ciríaco.

Segundo os bombeiros, fios da rede elétrica e árvores caíram sobre as estradas e em alguns pontos impedem o trânsito de veículos. Segundo o prefeito Jacir Miorando, do município de Água Santa, o salão comunitário de São Caetano foi destruído. Máquinas percorrem o interior para desobstruir as estradas.

Na propriedade de Arlindo Valentin Lorenzon, na comunidade do Faxinal em Água Santa, o vento derrubou duas casas, galpões e árvores. Arlindo foi atingido pelos escombros e ficou ferido. Ele foi encaminhado ao Hospital Santo Antônio com escoriações.

Na rodovia ERS-463 no Km 9, em Rio do Peixe no município de Coxilha, três caminhões foram arrastados pela força dos ventos. Os caminhões seguiam no sentido Tapejara-Coxilha e se dirigiam ao município de Camargo para o carregamento de frangos quando próximo a Granja Baseggio foram surpreendidos pelo vendaval.

Dois caminhões ficaram tombados as margens da rodovia e o caminhão que seguia à frente do comboio foi arremessado para dentro da lavoura às margens da rodovia. O condutor foi socorrido e encaminhado ao Hospital Santo Antônio ficou internado em observação. Chovia torrencialmente no momento do resgate dos bombeiros.

Árvores e galhos foram removidos da rodovia. Orienta-se aos motorista cuidado e atenção no trecho, pois a pista apresenta pontos de acúmulo de lama e pedras trazidos pela forte chuva. Máquinas estão trabalhando na rodovia nas proximidades da entrada para a Camponesa.

Fonte: Rádio Tapejara

Foto(s): Rádio Uirapuru e redes sociais do Portal Peperi

Comentar pelo Facebook

Advocacia Fávero
AL Contabilidade
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.