06.11.2019 às 09:30h - atualizado em 06.11.2019 às 09:38h - Política

Vereadora diz ter vergonha de participar de debates na Câmara de Itapiranga

Diógenes Di Domenico

Por: Diógenes Di Domenico Itapiranga - SC

Vereadora diz ter vergonha de participar de debates na Câmara de Itapiranga

Continua depois da publicidade

Ilda Teixeira Feller relata que teve uma experiência negativa de um mês no legislativo de Itapiranga. Vereadora na legislatura anterior e atualmente suplente, ela encerra esta semana os 30 dias de trabalho. Destaca que esperava fazer um trabalho diferenciado, porém o clima tumultuado impede aprovação de projetos importantes e debates de temas de interesse da população.

Segundo Ilda, o vereador foi eleito pelo voto popular e deveria trabalhar em prol da coletividade. Cita ainda que falta confiança da população em seus representantes. Ela esperava encontrar união em prol da população, o que não aconteceu. A sessão desta semana foi especialmente tumultuada com discussões entre vereadores. Ilda disse em entrevista da Rádio Itapiranga que se sentiu envergonhada de estar ocupando uma cadeira no legislativo e presenciar este tipo de situação.

A vereadora critica também a realização de audiências públicas, pois não se justifica se os votos já estão definidos. Aponta ainda a falta de crédito para audiência pública, que costuma ser realizada sem presença da população. Outro questionamento é a falta de responsabilidade em assumir o voto e não atender interesse de partidos, amigos, situação ou oposição e combinar votos antes das sessões.

Para Ilda, não existe interesse coletivo e sim trabalho em causa própria, deixando em segundo plano os projetos que beneficiam a população. A suplente de vereador afirma que, na situação atual do legislativo de Itapiranga, pessoas com potencial para contribuir não se motivam a colocar o nome à disposição para a próxima eleição.

Foto(s): Câmara de vereadores

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.