06.09.2019 às 13:42h - atualizado em 06.09.2019 às 14:28h - Geral

Cancelamento das certidões de aptidão do pronaf afetam centenas de agricultores

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Cancelamento das certidões de aptidão do pronaf afetam centenas de agricultores

Continua depois da publicidade

O cancelamento das certidões de aptidão do Pronaf, do governo federal, afetou centenas de agricultores da região Extremo Oeste de Santa Catarina. A informação é do gerente regional da Epagri de São Miguel do Oeste, Sidinei Simon.

De acordo com ele, vários documentos acabaram sendo negados por parte do Ministério da Agricultura e do Tribunal de Contas da União. Simon explicou que essa decisão ocorreu por parte do governo federal e por isso quem teve seu pedido negado deve procurar os sindicatos da região e a própria Epagri para tentar resolver esse impasse.

Ele afirmou que, em todo o país, mais de 126 mil certidões de aptidão do Pronaf foram negadas. Conforme ele, a justificada dada pelo governo federal foi de que esses documentos possuíam irregularidades. Segundo Simon, o cancelamento ocorreu após a realização de uma auditoria nas declarações, que identificou informações desencontradas. O gerente destacou que em muitos casos não existe, de fato, irregularidades, mas, sim, falta de informações por parte dos produtores.

Sidinei Simon comentou ainda que algumas certidões de aptidão do programa Pronaf foram negadas visto à aposentadoria dos agricultores. Ele esclareceu que para reverter essa situação é preciso solicitar uma reavaliação do documento e fazer uma justificativa. Ele ressaltou que o alto índice de cancelamentos surpreendeu a Epagri. SIMON revelou ainda que aqueles que tiveram a certidão negada devem se adequar o quanto antes, pois podem enfrentar uma série de complicações no futuro.

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.