06.02.2018 às 10:41h - atualizado em 03.05.2018 às 14:14h - Política

Em vídeo João Rodrigues afirma: “Se condenado, eu encerro minha atividade”

Marcos de Lima

Por: Marcos de Lima São Miguel do Oeste - SC

O processo do deputado federal João Rodrigues, do PSD, deve ser julgado nesta terça-feira, 06, pela primeira turma do Supremo Tribunal Federal. Em 2009, o deputado foi condenado no TRF-4, por conta de uma licitação irregular quando era vice-prefeito de Pinhalzinho.

Os cinco ministros que compõem a turma vão avaliar o pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, para que o deputado seja imediatamente preso. O argumento da PGR é de que, se a pena de cinco anos de prisão não começar a ser cumprida agora, estará prescrita daqui a duas semanas.

Em sua página do Facebook, João Rodrigues publicou um vídeo nesta segunda-feira, 05, falando sobre o julgamento. O deputado afirma que o processo é de “um crime que não existiu, de nada que praticou”.

Na publicação, ele falou do processo e mandou uma mensagem aos seus amigos e apoiadores. “Se absolvido, junto com vocês nós vamos discutir o nosso futuro. Se condenado, aí eu encerro minha atividade. Paro com a política, vou cuidar da minha família, da minha profissão.” afirmou.

Confira o vídeo:


Fonte: Clic RDC

Comentar pelo Facebook

Advocacia Fávero
AL Contabilidade
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.