cresol mobile

05.08.2022 às 12:18h - Economia

65% dos trabalhadores aderem à marmita, mostra pesquisa

Marcos de Lima

Por: Marcos de Lima São Miguel do Oeste - SC

65% dos trabalhadores aderem à marmita, mostra pesquisa
Foto: Marcos de Lima / Portal Peperi

Continua depois da publicidade

A marmita passou a ser a principal aliada do trabalhador que precisa enfrentar o avanço da inflação ou economizar para manter o orçamento em dia. Pesquisa da Sodexo Benefícios e Incentivos mostra que 65% dos profissionais entrevistados costumam levar a comida pronta de casa para o trabalho. Isso ocorre em meio à alta nos preços da refeição fora de casa – que está custando, em média, R$ 40,64.

O levantamento foi feito com 3.931 pessoas em todo país entre os dias 13 e 15 de julho.

A pesquisa mostra que outros 17,22% costumam almoçar em restaurantes que oferecem o prato feito, seguido dos que costumam comer em restaurante por quilo (14,68%) e em restaurantes à la carte (3%).

Marmita já era adotada antes de alta da inflação

A pesquisa mostra ainda que a opção pela marmita já era adotada pelo trabalhador antes do avanço da inflação – 33,15% afirmam terem o hábito de levar a comida pronta de casa por considerá-la uma refeição mais barata. Outros 25,36% dizem preferir a comida caseira, seguidos de 22,82% que passaram a levar marmita após a alta dos preços.

Já 18,67% declararam que, mesmo com a alta dos preços, preferem comer em restaurante.

A pesquisa mediu também com que frequência a opção da marmita é utilizada na semana:

- 51,72%: sempre

- 20,63%: de duas a três vezes por semana

- 20,27%: nunca

- 7,38%: uma vez por semana

Fonte: G1

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.