04.06.2018 às 13:37h - atualizado em 04.06.2018 às 16:29h - Geral

Cooperoeste tem cerca de R$ 6 milhões em prejuízos com greve dos caminhoneiros

Marcos Meller

Por: Marcos Meller São Miguel do Oeste - SC

Cooperoeste tem cerca de R$ 6 milhões em prejuízos com greve dos caminhoneiros

A Cooperoeste Terra Viva teve um prejuízo de cerca R$ 6 milhões com a suspensão da coleta do leite nos últimos dias. A informação foi divulgada no final de semana pelo presidente da empresa, Sebastião Vilanova.

De acordo com ele, a greve dos caminhoneiros acabou afetando toda a cadeia produtiva do leite, pois além do produto que deixou de ser recolhido nas propriedades, as empresas ficaram sem matéria prima para a industrialização.

Conforme Vilanova, a empresa deve levar cerca de seis meses para se recuperar dos prejuízos decorrentes da paralisação dos caminhoneiros. Ele disse que as perdas registradas nos últimos dias podem ser recuperadas lentamente ao longo deste ano.

A greve dos caminhoneiros impôs uma dificuldade a mais para o já difícil contexto que envolve a cadeia produtiva do leite. A afirmação é do presidente da Cooperoeste, Sebastião Vilanova, o qual lembra que o setor teve um ano complicado em 2017 e há cerca de dois meses o preço começou a reagir.

Vilanova destacou que a paralisação dos motoristas provocou mais um revés, especialmente para os produtores. O presidente entende que o leite ainda é uma atividade muito importante para os pequenos agricultores, mas não mais o “ouro branco” do Extremo Oeste como há cerca de 10 anos.

Ele comento que o setor perdeu um pouco da importância e precisa buscar alternativas para manter a força econômica de outros tempos.


CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.