02.06.2019 às 00:53h - Esportes

Grêmio cria pouco e perde para o Bahia em Pituaçu

Júnior Recalcati

Por: Júnior Recalcati São Miguel do Oeste - SC

Grêmio cria pouco e perde para o Bahia em Pituaçu
Felipe Oliveira / EC Bahia

Continua depois da publicidade

O Grêmio dominou as ações ofensivas na maior parte da partida contra o Bahia, mas acabou perdendo por 1 a 0, na noite deste sábado, no estádio do Pituaçu. Com um time recheado de jogadores suplentes, devido às lesões e às convocações, o Tricolor teve a posse de bola, mas criou pouco. O adversário marcou o gol em cobrança de pênalti, no início do segundo tempo, quando Artur chutou e a bola acertou o braço de Geromel. Fernandão cobrou e marcou o tento da vitória.

Com o resultado, o Grêmio segue com cinco pontos conquistados em 21 disputados. Desta forma, termina o sábado na 18ª posição. Já os baianos chegaram aos 13, subindo cinco posições e entrando no G-4 do Brasileirão.

O Tricolor gaúcho volta aos gramados no próximo sábado, às 19h, no estádio Centenário, para enfrentar o Fortaleza. Já o Bahia, às 19h30min, pega o Ceará no Castelão.

Grêmio domina as ações, mas cria poucas oportunidades de gols

Mesmo atuando fora de casa e com muitos desfalques, o Grêmio iniciou jogando de igual para igual com o Bahia. Usando as laterais e passes rápidos pelo meio de campo, foi o tricolor gaúcho que criou a primeira chance de gol. Aos quatro minutos, Jean Pyerre fez excelente lançamento para Montoya. O meia avançou em alta velocidade na direção da meta baiana, mas o goleiro Douglas saiu da área, se jogou ao chão com as pernas abertas e conseguiu evitar a abertura do placar com os pés.

O Grêmio dominava as ações ofensivas, utilizando, principalmente, a lateral esquerda para tentar chegar ao ataque. Entretanto, tinha dificuldades para criar oportunidades de gols. Até que, aos 33, Pepê iniciou um rápido contra-ataque passando para Juninho Capixaba, que avançou e cruzou rasteiro. Vizeu e Jean Pyerre não conseguiram alcançar a bola, que sobrou para o jovem atacante. Dentro da grande área, Pepê bateu e Diego fez excelente defesa, novamente, com a perna.

O Bahia rondava a área do Tricolor gaúcho, mas não conseguia sequer arremates ao gol de Paulo Victor. A situação se estendeu até o apito final de Dewson Fernando Freitas da Silva. Desta forma, as duas equipes foram para os vestiários com o placar fechado.

Bahia marca de pênalti

As duas equipes voltaram com as mesmas escalações, mas com o Bahia tentando pressionar o Grêmio em seu campo. Aos sete minutos, Filipe Vizeu perdeu a bola no ataque e os baianos trocaram passes até na frente da área do Tricolor Gaúcho, quando a bola chegou em Artur. O atacante chutou, a bola bateu no braço esquerdo de Geromel e o árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva marcou o pênalti. Dois minutos depois, Fernandão chutou no canto inferior direito da meta de Paulo Victor, que saltou, mas não conseguiu alcançar a bola.

Aos 16, Montoya recebeu passe dentro da área, sozinho pela direita de ataque, e bateu, mas, próximo a linha da meta baiana, Gregore afastou de cabeça. Logo depois de Vizeu errar no meio de campo e o Bahia criar mais uma oportunidade, Renato Portaluppi retirou o centroavante e colocou André. Também aos 20, o técnico trocou Montoya por Diego Tardelli.

As mudanças feitas por Renato não produziram o efeito esperado na criação ofensiva. Em duas oportunidades, Pepê teve a chance de finalizar, mas teve a bola roubada por Nino, na primeira, e chutou longe na segunda. Aos 35, Portaluppi retirou Juninho Capixaba que recebeu o terceiro amarelo e não enfrenta o Fortaleza, para colocar Patrick. Paulo Victor ainda salvou o Grêmio com duas importantes defesas, aos 23, após chute de Nino Paraíba, e aos 40, com um forte chute de Ramíres.

Ação contra o preconceito

No jogo deste sábado, as duas equipes entraram em campo com o patch pedindo o fim do preconceito no futebol. Renato Portaluppi e Roger Machado entraram com camisetas pretas com o símbolo do Observatório da Discriminação Racial no Futebol. Os uniformes dos dois times serão leiloados e o valor será revertido para as ações contra o racismo da entidade.

Brasileirão 2019 - 7ª rodada

Bahia (1)

Douglas Friderich; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Moisés; Gregore, Elton (Flávio) e Douglas Augusto; Élber (Artur Caíke), Artur e Fernandão (Ramíres). Técnico: Roger Machado.

Grêmio (0)

Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Rodriguez e Juninho Capixaba (Patrick); Michel, Thaciano e Jean Pyerre; Montoya (Diego Tardelli), Pepê e Felipe Vizeu (André). Técnico: Renato Portaluppi.

Gols: Fernandão (9min/2ºT)

Cartões amarelos: Juninho Capixaba (3º) e Geromel (G) & Artur (B)

Cartões vermelhos: -

Arbitragem: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA)

Auxiliares: Fabricio Vilarinho da Silva (GO) e Helcio Araujo Neves (PA)

Estádio: Pituaçu, em Salvador (BA)

Comentar pelo Facebook

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.