ÁUDIOS
Globo em Foco - Peperi - AM

Globo em Foco quinta-feira 14 05 2020

-SENADO APROVA MAIS 8,6 BI PARA AÇÕES DE ESTADOS E MUNICÍPIOS CONTRA CORONAVÍRUS

-CPI DOS RESPIRADORES COMEÇA A FASE DE DEPOIMENTOS NESTA QUINTA-FEIRA

-DNIT CONFIRMA CONCLUSÃO DO PROCESSO DE FEDERALIZAÇÃO DA SC 163

-MUNICÍPIO CONFIRMA MAIS DOIS CASOS DE COVID-19 EM HOMENS DE 27 E 43 ANOS

-NÚMERO DE MORADORES COM DENGUE CRESCE E CHEGA A 131 EM SÃO MIGUEL

-POLÍCIA CIVIL ABRE PROCEDIMENTO CONTRA SUSPEITOS DE DESRESPEITAR QUARENTENA

-HOMEM CONDENADO A 19 ANOS DE CADEIA É PRESO PELA POLÍCIA RODOVIÁRIA ESTADUAL

O tempo é de..... A previsão para as próximas horas é de sol com muitas nuvens. A temperatura pode chegar a 18 graus. A mínima das últimas horas foi de sete graus. Agora, na Central de Jornalismo da Peperi, ... graus. Umidade relativa do ar ... por cento.

O dólar paralelo está cotado a cinco reais e 85 centavos para a compra e seis reais e 10 centavos para a venda. O euro está valendo seis reais para a compra e seis reais e 50 centavos para a venda. Já o peso argentino está cotado a cinco centavos para a compra e seis centavos para venda.

A Organização Mundial de Saúde divulgou, nesta quarta-feira, seu relatório anual sobre a saúde no mundo. A mortalidade infantil de crianças abaixo de cinco anos de idade no mundo caiu pela metade entre 2000 e 2018, mostra o documento. Houve uma queda de 76 para 39 mortes a cada mil nascidos vivos na média mundial. Entre os recém-nascidos, caiu de 31 para 18 o número de mortes a cada mil nascimentos. A meta da organização é zerar ambos os indicadores até 2030. Como objetivo mínimo, os países devem conseguir ter, no máximo, 25 mortes a cada mil crianças abaixo de 5 anos, e até 12 mortes de recém-nascidos para cada mil nascimentos.

A Agência de Cibersegurança e Segurança de Infraestrutura e o FBI, ambos do governo dos Estados Unidos, emitiram um alerta conjunto nesta quarta-feira afirmando que hackers ligados à República Popular da China estão tentando acessar as redes de computadores de instituições de pesquisa atuantes na pandemia do novo coronavírus e da Covid-19. O comunicado não traz os nomes das instituições que já teriam sido alvo dos hackers. O texto afirma que todas as vítimas conhecidas já foram notificadas pela CISA ou pelo FBI, mas explica que não há como descartar a possibilidade de outros ataques que ainda permanecem desconhecidos.

O governo do presidente SEBASTIÁN PIÑERA decretou nesta quarta-feira o isolamento para 73 por cento dos distritos da região metropolitana de Santiago do Chile. As restrições afetam uma área que abriga boa parte da população chilena e atinge oito milhões de residentes.

A medida que passa a valer a partir da próxima sexta-feira é uma resposta ao um crescimento acelerado do número de infectados pelo novo coronavírus na região da capital. Apenas nas últimas 24 horas, o país notificou mais de dois mil e 600 casos de infecção. O ministro da Saúde chileno, JAIME MAÑALICH, disse em entrevista coletiva que as medidas são duras, mas importantes.

O anúncio das diretrizes para a saída do isolamento que seria feito nesta quarta-feira foi adiado. A reunião com os conselhos estaduais e municipais de saúde não chegou a um consenso. O ministro da saúde, NELSON TEICH, afirmou na última segunda-feira que era necessário debater com estados e municípios as diretrizes. A coletiva de imprensa que revelaria o resultado desta conversa, marcada para a tarde desta quarta, foi cancelada. Em nota, o Ministério da Saúde informou que desde o último sábado, "a estratégia tem sido debatida com os conselhos dos secretários de saúde estaduais e municipais. O Conselho Nacional de Secretários de Saúde e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde divulgaram uma nota conjunta afirmando que acham o momento inoportuno para a pactuação e publicação das diretrizes sobre distanciamento social.

O presidente JAIR BOLSONARO afirmou nesta quarta-feira que os militares que receberam o auxílio emergencial de 600 são “jovens que prestam o serviço militar obrigatório”. Segundo o presidente, quem recebeu o benefício de forma indevida será punido. Segundo o governo, 73 mil militares ativos, inativos, de carreira, temporários, pensionistas, dependentes e anistiados receberam o auxílio, destinado a trabalhadores informais afetados economicamente pela pandemia do coronavírus. O Ministério da Defesa informou que as Forças Armadas analisam caso a caso a situação de militares que receberam o auxílio emergencial. Ao comentar o caso, BOLSONARO explicou que se tratam de militares oriundos de famílias mais pobres, que em 2019 não tinham renda.

O Senado aprovou nesta quarta-feira uma medida provisória que extingue um fundo atualmente inoperante, administrado pelo Banco Central, e destinou o saldo, estimado em oito bilhões e 600 milhões a estados e municípios para ações contra o coronavírus. A MP recebeu 75 votos favoráveis e seguirá para sanção presidencial. Segundo o texto, o dinheiro o texto, deve ser usado para compra de material com o objetivo de prevenir a covid-19, doença provocada pelo coronavírus. De acordo com a medida, os recursos serão divididos igualmente, pela metade, entre estados e municípios. As regras dessa transferência serão definidas pelo Poder Executivo, que precisa observar o número de casos da doença em cada região. O texto diz ainda que só receberão os recursos estados e municípios e seguirem os protocolos de atendimento e as normas da Organização Mundial da Saúde.

O governo estadual anunciou que vai liberar os serviços de transporte coletivo em Santa Catarina, mas ainda não definiu data para retomada. Uma reunião com as empresas do setor está marcada para essa quinta-feira, para detalhar as regras sanitárias que já foram construídas pela equipe do Centro de Operações de Emergência em Saúde. Segundo o governador, CARLOS MOISÉS, além das perdas econômicas que o setor teve desde que as restrições foram impostas em março, quando foi decretada emergência no estado, a essencialidade do transporte público já foi compreendida e o retorno deve ser sancionado. No entanto, a circulação pode não ocorrer em todas as regiões, informou o chefe do Executivo. Ele disse que Estado deve indicar regiões onde é possível acontecer a circulação de transporte coletivo e regiões que não são indicadas.

O secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni, informou aos deputados na tarde desta quarta-feira, durante Sessão Especial, que ainda não há previsão de retorno às aulas presenciais. Nesta sexta-feira, haverá uma reunião com o Centro de Operações de Emergências em Saúde do governo que desenvolve ações de combater a pandemia de Coronavírus para analisar essa questão. Ele reforçou ainda que a decisão do retorno será em bloco único para todos os setores da Educação e que a liberação do transporte escolar estará condicionada ao início das aulas presenciais. Durante mais de uma hora e meia, o secretário respondeu virtualmente as indagações dos deputados sobre os planos e planejamentos que estão sendo traçados pela Secretaria de Estado da Educação para que os alunos não sejam prejudicados com a ausência de aulas.

A comissão parlamentar de inquérito que apura denúncias de irregularidades na compra de 200 respiradores mecânicos pelo governo do Estado aprovou o cronograma de trabalhos, escolheu o deputado FABIANO DA LUZ como relator-adjunto e analisou requerimentos de acareações entre testemunhas a serem ouvidas e de documentos a serem requisitados. A tomada de depoimentos começou na manhã de hoje e está prevista para ocorrer até 28 de maio. O relator IVAN NAATZ pretende apresentar o relatório preliminar na última semana de junho, após colher sugestões de todos os deputados e apresentar o relatório final. Na sessão da CPI da próxima quinta, serão ouvidos, entre outros,KARIN SABRINA DUARTE, diretora de gestão de licitação de contratos da Secretaria de Estado da Administração; MATHEUS HOFFMANN, ex-secretário-adjunto da Casa Civil; e o coronel JOÃO BATISTA CORDEIRO JÚNIOR, chefe da Defesa Civil do Estado.

O Instituto Federal de Santa Catarina, campus de São Miguel do Oeste assim como as demais instituições de ensino do país seguem com as atividades presenciais suspensas. A informação é do diretor da unidade no município, DIEGO MARTINS. De acordo com ele, o momento vivido por todos é atípico e inesperado. Conforme ele, o instituto foi surpreendido com a suspensão das aulas presenciais ainda na metade do mês de março. Segundo DIEGO, o IFSC de São Miguel do Oeste está com a maioria das atividades paralisadas desde o dia 16 de março.

O Instituto Federal de Santa Catarina, campus de São Miguel do Oeste está trabalhando remotamente com os alunos. A afirmação é do diretor da unidade no município, DIEGO MARTINS. Ele destacou que a medida visa não desamparar os estudantes nesse momento de pandemia causada pelo novo coronavírus. O diretor ressaltou que mesmo com esse trabalho remoto com os alunos, muitas atividades não estão sendo realizadas e consequentemente os estudantes acabam sendo prejudicados. DIEGO MARTINS declarou que existe um atraso nas atividades e que as mesmas deverão ser retomadas assim que as aulas presenciais forem permitidas.

A equipe do Instituto Federal de Santa Catarina, campus de São Miguel do Oeste está trabalhando de forma constante para melhorar a qualidade das aulas que estão sendo ofertadas de forma online aos alunos. O comentário é do diretor da unidade no município, DIEGO MARTINS. Ele disse que e o IFSC reorganizou as aulas emergenciais para dar todo o suporte necessário aos estudantes. Ele revelou ainda que na última semana houve uma capacitação com os professores a distância. Questionado sobre a parte financeira do campus de São Miguel do Oeste, DIEGO MARTINS afirmou que essa questão está dentro da normalidade na instituição de ensino do município. O diretor lembrou ainda que o IFSC possuiu recursos para a alimentação escolar e a ideia é converter em distribuição de cestas básicas para as famílias dos educandos.

O trabalho de entrega das autorizações aos agricultores inscritos no programa de Sementes de Pastagens de Inverno e Cobertura, foi intensificado pela equipe da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Piscicultura no início desta semana. Até o momento foram entregues 292 autorizações, sendo que neste ano 413 produtores rurais se inscreveram para receber o benefício. A liberação das autorizações segue até o final do mês de maio, quando devem ser distribuídos mil 207 sacos de sementes de aveia preta, aveia branca, ervilhaca e avezém. Após retirarem o documento, os agricultores seguem para as três empresas licitadas para a retirada das sementes.

As chuvas desta semana são insuficientes para afastar os problemas causados pela estiagem na região. A avaliação é do gerente regional da Epagri, SIDNEI SIMON. Ele disse que os volumes de chuva foram bastante variados no extremo-este. SIMON disse que a região de Itapiranga teve chuvas de apenas quatro milímetros enquanto que a precipitação na região de São Miguel ficou entre 15 e 20 milímetros nos últimos dias. Ele destacou que a quantidade é bastante baixa para recompor o lençol freático. SIMON disse que a chuva dessa semana ajudou para a pastagem, mas não é suficiente para a normalidade do abastecimento das comunidades e para o consumo animal. O ideal, segundo o gerente da Epagri, seria uma chuva de cerca de 200 milímetros.

A chuva dessa semana vai amenizar a situação das pastagens e reduzir as dificuldades de alimentação dos animais, especialmente do rebanho leiteiro. O comentário é do gerente regional da Epagri, SIDNEI SIMON. No leite, a queda de produção chega a 20 por cento. Além disso, houve um gasto maior com a suplementação alimentar dos animais. Ele disse que a tendência é de recuperação do pasto, mas ainda falta muito para a que os poços de água e pequenos riachos que cortam as propriedades voltem aos níveis normais. SIMON disse que a falta de chuva vai afetar a renda no campo e pode ter reflexos na próxima safra de verão.

O DNIT anunciou a conclusão do processo de federalização da SC 163 de Itapiranga a São Miguel do Oeste. O termo de transferência foi assinado nesta semana pelo governo de Santa Catarina concluindo a última etapa da transferência da rodovia estadual para o domínio da União.Conforme o superintendente do DNIT em Santa Catarina, RONALDO CARIONI BARBOSA, o documento foi enviado ao diretor geral em Brasília para publicação no Diário Oficial da União. Ele destacou que o Dnit já está preparando o edital de licitação para manutenção da rodovia com investimento inicial apenas para medidas paliativas com operação tapa buracos. BARBOSA chama atenção que foi preciso superar várias etapas burocráticas e com grande lentidão, como por exemplo, o estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental, além do inventário sobre o patrimônio que envolve a rodovia.

Todas as etapas para a federalização da SC 163 foram superadas e resta apenas a publicação da transferência da rodovia para o governo federal no Diário Oficial da União. O superintendente do Dnit, RONALDO BARBOSA disse que a partir de agora a responsabilidade pela estrada é do órgão e reconhece a dificuldades de recursos para grandes obras. Ele explicou que já ocorreu o planejamento para investimento visando dar condições de trafegabilidade e segurança aos usuários da 163. Na sequencia será elaborado um projeto para ajustes em acostamentos e intervenções para colocar este trecho de pouco mais de 60 quilômetros da 163 dentro do padrão de rodovia federal. BARBOSA destacou a importância da 163 que foi abandonada pelo governo estadual e está em situação crítica, principalmente nos 32 quilômetros entre Itapiranga e Iporã do Oeste.

As obras na BR 163 de São Miguel do Oeste a Dionísio Cerqueira devem iniciar em agosto. A projeção é do superintendente do DNIT em Santa Catarina, RONALDO BARBOSA. Ele salienta que está em vigor o contrato para pavimento com uso de concreto. O projeto aguarda aprovação em Brasília com previsão de ser liberado a partir de agosto. Segundo BARBOSA, a obra inicial será no acesso a São José do Cedro e viaduto que ficou inacabado. O superintendente do DNIT considera que o orçamento de 2020 é insuficiente com 17 milhões de reais da bancada federal de Santa Catarina. A conclusão das obras deve ocorrer em 2021 ou até 2022 com liberação de novos recursos da bancada catarinense. BARBOSA, diz que a pandemia não afetou as verbas para pavimentação de asfalto e cita várias obras de infraestrutura com investimentos nas BRs 282 e 158.

O prefeito de São Miguel do Oeste, WILSON TREVISAN se reuniu na tarde desta quarta-feira, com representantes da empresa JBS no município e solicitou a doação de equipamentos para a saúde local. Participaram da reunião no gabinete do prefeito o gerente da empresa, GILBERTO PARAVIZI e o coordenador de RH, DANILO BAÍA. A secretária de Saúde, GENI GIRELLI também participou da conversa. Na oportunidade, TREVISAN pediu que a empresa faça uma doação de equipamentos para o setor da saúde do município. Conforme ele, a ideia é que a JBS doe termômetros a laser para que os profissionais da saúde possam fazer a verificação da temperatura a distância. TREVISAN também quer que sejam doadas máquinas para reestruturar o laboratório municipal de análises clínicas e monitores de sinais vitais para triagem nas unidades de saúde.

Os detalhes técnicos dos equipamentos e as quantidades que o município precisa estão em um documento que foi enviado formalmente para a empresa JBS na tarde de ontem. O prefeito WILSON TREVISAN explicou ainda que o pedido se dá pelo fato da companhia investir cerca de 400 milhões em todo o país para a compra de materiais que sejam necessários para ações de combate ao coronavírus nos municípios onde há unidades da JBS. Ele entende que São Miguel do Oeste também pode ser beneficiada com essa iniciativa. O gerente local da empresa, GILBERTO PARAVIZI afirmou que fará o esforço necessário para que a solicitação feita por TREVISAN seja atendida.

Dois novos casos de Covid-19 foram confirmados nas últimas 24 horas em São Miguel do Oeste. Os pacientes, que tiveram resultados positivos em testes rápidos, são dois homens, com idades de 27 e 43 anos. Ambos apresentaram sintomas respiratórios, mas não necessitaram de internamento hospitalar. Eles estão em isolamento domiciliar. Os dois pacientes apresentaram os sintomas e foram atendidos pelo setor de Medicina do Trabalho da empresa onde atuam. A empresa entrou em contato com a Vigilância Epidemiológica Municipal, que fez a testagem rápida. O município conta, hoje, com 14 casos confirmados, sendo que um deles já está recuperado da doença.

A região da Ameosc tem 22 casos confirmados de Covid-19. A informação está no boletim divulgado pela Associação dos Municípios do Extremo-oeste. As cidades com registro da doença são as seguintes: São Miguel do Oeste com 14, Itapiranga com três, Anchieta com dois e Palma Sola, Santa Helena e Tunapolis com um paciente em cada município. Ao todo, quatro pessoas que contraíram a doença já se recuperaram. A região também tem 166 moradores com sintomas respiratórios. Nesta semana, o presidente da Ameosc, PLINIO DE CASTRO, disse que se os casos continuarem aumentando, os prefeitos da associação podem adotar medidas mais rígidas, como o fechamento dos setores não essenciais.

A Secretaria de Saúde de São Miguel do Oeste divulgou na manhã desta quinta-feira, um novo Boletim Epidemiológico sobre a situação da dengue no município. Nos últimos sete dias foram registrados sete novos casos da doença, chegando ao total de 131 desde o início do ano. O enfermeiro da Vigilância Epidemiológica, MARCOS BORTOLANZA, destacou 126 destes casos são autóctones, ou seja, foram contraídos dentro da cidade, três são importados e dois com local provável de infecção indeterminado. O Estrela segue o epicentro da doença com 77 casos. O São Jorge tem 16 registros, o São Luiz, oito e o Salete sete moradores com a doença.

Um novo fumacê será realizado na tarde de hoje em São Miguel do Oeste. A informação é do coordenador do Setor da Dengue do Município, CÉLIO SILVA. De acordo com ele, a operação será desenvolvida em algumas quadras dos bairros Agostini e Salete. O produto também será aplicado nas proximidades do Colégio São Miguel e da Praça Belarmino Annoni. SILVA disse que o número de focos do mosquito Aedes aegypti identificados neste ano é de 321. Ele voltou a citar a importância da população no trabalho de eliminação dos locais que podem acumular agua e se tornarem focos do inseto.

A Polícia Militar Rodoviária de Iporã do Oeste prendeu, nesta quarta-feira, um homem com mandados de prisão em aberto pelos crimes de estelionato e estupro. O suspeito foi abordado em uma operação de rotina na SC 283 em Riqueza. A guarnição da PRE abordou um Vectra de Viamão e durante a consulta ao sistema identificou que o motorista do carro tinha um mandado de prisão por uma condenação de mais de 19 anos de prisão. Ele foi autuado em flagrante e encaminhado para a unidade prisional de São Miguel do Oeste, para início do cumprimento da pena.

A Polícia Civil de Belmonte cumpriu, nesta quarta-feira, um mandado de prisão Preventiva expedido pelo Poder Judiciário em razão de descumprimento de medida protetiva de urgência. O homem de 40 anos praticou outros crimes contra a ex-companheira e foi notificado da impossibilidade de manter contato e se aproximar da mulher. Mesmo assim, ele praticou novas ameaças, injúrias e lesões corporais. Um novo Inquérito Policial foi instaurado, e o homem foi indiciado por injúria, ameaça, violência doméstica e pelo descumprimento das medidas. O delegado responsável pela investigação pediu a prisão preventiva para garantir integridade da vítima. A prisão foi efetuada na tarde de ontem.

A Polícia Militar de São Miguel do Oeste atendeu apenas uma ocorrência de destaque no plantão das últimas 24 horas. Foi ontem por volta das três horas da tarde na BR 282. A guarnição da PM abordou um homem que trafegava pela rodovia e durante a revista pessoal foi encontrado um torrão de maconha no bolso do casaco que ele usava. A droga foi apreendida e a PM confeccionou um termo circunstanciado por posse de entorpecente.

A Polícia Civil de Belmonte lavrou dois Termos Circunstanciados por descumprimento de medida de quarentena, imposta por gestores de saúde do município. De acordo com a polícia, um homem e uma mulher foram notificados para cumprimento de restrição de atividades e permanência em domicílio até fim do prazo estipulado, porém, descumpriram a ordem. Mesmo com resultado posterior negativo ao Covid-19 para os dois, há indícios que apontam que os dois descumpriram ordem legal destinada a impedir a propagação de doença contagiosa, conforme define o artigo 268 do Código Penal. Em nota, a Polícia Civil solicita auxílio da população no sentido de fiscalizar o cumprimento das determinações restritivas impostas pelo Estado e Municípios aos estabelecimentos comerciais, bem como, das pessoas com restrições de isolamento ou quarentena.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.