ÁUDIOS
Globo em Foco - Peperi - AM

Globo em Foco sexta-feira 09 08 19

-GOVERNO ESTUDA FIM DAS DEDUÇÕES COM SAÚDE E EDUCAÇAO NO IMPOSTO DE RENDA

-MOISÉS PRETENDE MANTER TRIBUTAÇÃO SOBRE AGROTÓXICOS EM SANTA CATARINA

-PEPERI DEBATES DESTE VAI DISCUTIR A ÉTICA NO DIA-A-DIA DA COMUNIDADE

-EMPRESA CONFIRMA AMPLIAÇÃO DO ROTATIVO NA RUA QUINZE DE NOVEMBRO

-CÂMARA APROVA PROJETO QUE PROIBE CONSUMO DE NARGUILE EM ESPAÇOS PÚBLICOS

-VEÍCULO DESPENCA DE CALÇADA E INVADE IMÓVEL NO CENTRO DA CIDADE

-MOTOCICLISTA FICA FERIDA EM COLISÃO NA WALDEMAR RANGRAB

O tempo é de..... A previsão para as próximas horas é de sol com algumas nuvens. A temperatura pode chegar a 28 graus. A mínima das últimas horas foi de 14 graus.

A Bolsa de Valores de São Paulo abriu a sexta-feira em alta. O dólar paralelo está cotado a três reais e 90 centavos para a compra e quatro reais e 10 centavos para a venda. O euro está valendo quatro reais e 40 centavos para a compra e quatro reais e 60 centavos para a venda. Já o peso argentino está cotado a oito centavos e meio para a compra e dez centavos para venda.

O presidente do Parlamento polonês, o conservador MAREK KUCHCINSKI, anunciou sua renúncia nessa quinta-feira. Membro de um partido que prega a luta contra a corrupção, ele deixa o cargo após ter usado aviões do governo em viagens particulares, com sua família e amigos. KUCHCINSKI, de 63 anos, é acusado pela oposição e por parte da mídia de ter usado os helicópteros e aviões militares do país uma centena de vezes entre março de 2018 e maio de 2019.

A ONG defensora dos direitos humanos Anistia Internacional divulgou na quinta-feira um comunicado alertando aos turistas do mundo sobre os riscos de visitar os Estados Unidos. Em sua publicação, a organização leva em consideração o aumento de crimes de ódio efetuados com armas de fogo no país. Entre as medidas propostas pela organização, estão: ser extremamente vigilante o tempo inteiro e ter consciência da presença de armas de fogo entre a população; evitar lugares onde um grande número de pessoas se reúne, especialmente em eventos culturais, locais de culto ou shoppings e ter muita cautela ao visitar bares, boates e casinos.

Os Estados Unidos formalizaram o aval para indicação de EDUARDO BOLSONARO, filho de JAIR BOLSONARO, para ser o embaixador do Brasil em Washington. O Itamaraty, que já foi informado da decisão, comunicará o presidente. Ele encaminhará, então, a sua indicação para o Congresso Nacional. Normalmente o agrément, como é chamado esse processo de consulta, é feito de maneira sigilosa para evitar constrangimento no caso do país que vai receber o embaixador rejeite o nome indicado. Porém, o presidente dos Estados Unidos, DONALD TRUMP, trata do assunto publicamente. No fim de julho, ele já tinha elogiado a escolha de EDUARDO para a representação diplomática.

O relator da medida provisória da liberdade econômica, deputado JERÔNIMO GOERGEN do PP gaúcho, afirmou nesta quinta-feira, que a proposta deve ser colocada em votação na próxima terça no plenário da Câmara. A MP foi editada pelo presidente Jair Bolsonaro no dia 30 de abril, e precisa ser aprovada pela Câmara e pelo Senado até o próximo dia 27. Caso contrário, perderá a validade. Entre os principais pontos previstos na medida está a dispensa a exigência de alvará de funcionamento para atividades consideradas de baixo risco. Além disso, o texto libera o trabalho aos domingos e feriados.

Um dos cinco filhos do presidente JAIR BOLSONARO, o senador FLÁVIO BOLSONARO disse nesta quinta-feira que cogita apresentar no Senado uma emenda para tentar implementar o regime de capitalização na Previdência Social. A eventual emenda da capitalização, segundo o parlamentar do PSL, seria incluída na chamada "PEC paralela", a mesma proposta de emenda à Constituição que deve abrigar a inclusão de estados e municípios na reforma previdenciária. O texto, que ainda está em estado de gestação no parlamento, reuniria pontos polêmicos que foram retirados da PEC da Previdência que chegou nesta quinta ao Senado.

A reforma tributária do governo federal, que o ministro da Economia PAULO GUEDES deverá apresentar na próxima semana, terá um tripé formado por reforma do Imposto de Renda, imposto único sobre consumo e serviços e uma contribuição previdenciária sobre movimentações financeiras. A reforma do Imposto de Renda deve incluir a correção da tabela, mas de forma "muito lenta e gradual". De modo geral, a equipe econômica estuda acabar com as deduções de gastos com saúde e educação. A medida é uma contrapartida para a redução da alíquota máxima da tabela, hoje em 27 e meio por cento. Segundo integrantes do Ministério da Economia, o governo também avalia ajustar a faixa de isenção do IR apenas pela inflação.

Nos últimos 11 anos, 30 trabalhadores morreram em carboníferas no estado. Em 2019, foram dois casos em Lauro Müller, no Sul. O levantamento é da Federação Interestadual dos Mineiros. A morte mais recente ocorreu na terça-feira. A vítima foi TIAGO DE SOUZA, 32 anos. Ele foi atingido por uma pedra durante um trabalho de escoramento. O presidente da Federação, GENOIR DOS SANTOS admitiu que a atividade é de risco máximo. Ele citou que as empresas devem gerenciar melhor a produção para eviter esses acidentes que vêm ocorrendo nos últimos anos.

O governo do Estado divulgou uma nota reforçando que, apesar de a política tributária de incentivos fiscais estar em discussão desde o começo do ano, “no caso específico dos agrotóxicos, a proposta é de retirar os incentivos”. O governador CARLOS MOISÉS pretende que os defensivos tenham alíquota de 17 por cento. Ele alega que entregar incentivos para determinado produto é uma forma de estimular o uso. Nesta semana, os deputados aprovaram um projeto de lei que suspende até 31 de agosto a retirada de benefícios fiscais para o comércio de agrotóxicos em Santa Catarina. O governador ainda não decidiu se vai sancionar a lei e também não planeja encaminhar ao Legislativo projetos que concedam novos benefícios ao comércio de defensivos agrícolas.

Santa Catarina registrou, no primeiro trimestre deste ano, o menor índice de trabalhadores na informalidade do país: 19 vírgula quatro por cento. São cerca de 694 mil pessoas trabalhando sem carteira assinada. O dado, divulgado em julho, foi extraído de um levantamento feito pelo IBGE a partir de micro dados da Pnad Contínua. Além da informalidade, a pesquisa também leva em conta as taxas de desocupação e o rendimento no interior dos Estados. Apenas Santa Catarina e São Paulo registraram maior percentual de informalidade nas capitais e regiões metropolitanas do que no interior do Estado.

O Peperi Debates deste sábado vai discutir a ética no dia-a-dia. As pessoas costumam cobrar ética na política e no poder público, mas muitas vezes, esquecem desses valores no relacionamento familiar, pessoal e profissional. Como anda a ética no cotidiano da comunidade é o tema deste sábado do programa. O assunto foi uma sugestão da liderança da Aurora que estão desenvolvendo uma campanha sobre ética no município. O Peperi Debates vai contar com a presença do empresário RAVIER CENTENARO, do diretor do Senai IVANOR FINATTO, do economista e professor de pós-graduação RILDO LAZARATTO e do professor EDINALDO ENOQUE. O programa, ao vivo, começa as oito horas da manhã.

O Retrato Falado vai receber mais uma pioneira da região extremo-oeste. A entrevista de amanhã será com IRMA BENEDETTI BASSO. Ela veio de Aratiba no início da década de 1970 e fixou residência coma família em Bandeirante. Hoje, ela está com 74 anos. Dona IRMA vai contar como foi a mudança para a região e o que ela encontrou quando chegou ao extremo-oeste. O Retrato Falado com IRMA BENEDETTI BASSO começa as dez da manhã.

O Peperi Rádio Repórter deste sábado vai receber mais um presidente de partido político na série de entrevistas sobre os primeiros encaminhamentos para a eleição de 2020. O entrevistado de amanhã será o presidente da Cidadania, ARLINDO DECANDIDO. O Cidadania substitui o PPS. A sigla apoiou a candidatura de WILSON TREVISAN no pleito de 2016. O Peperi Rádio Repórter deste sábado começa às 11 horas com a repercussão das notícias da semana. A entrevista com DECANDIDO inicia por volta das 11 e meia.

Um programa desenvolvido pela secretaria de Agricultura em parceria com a Epagri de Bandeirante entregou nesta semana mais de duas mil mudas frutíferas para as famílias do município. A informação é da extensionista social da Epagri local, FRANCISCA FREIBERGER. De acordo com ela, o programa “Mais Frutas no Meu Pomar” é desenvolvido há alguns anos e visa disponibilizar aos moradores uma variedade de mudas frutíferas. A iniciativa facilita a compra das mudas e reduz os custos para os agricultores. FRANCISCA explicou que a secretaria efetuou a compra e a Epagri realizou oficinas técnicas sobre o manejo correto dos pomares para os produtores rurais.

Cerca de 150 famílias foram beneficiadas na primeira etapa do programa “Mais frutas no meu pomar”. A afirmação é da extensionista social da Epagri de Bandeirante, FRANCISCA FREIBERGER. Conforme ela, a iniciativa atendeu moradores da cidade e também no interior. Segundo a profissional, foram investidos 20 mil reais nas aquisições de mudas frutíferas e ornamentais. Ela comentou que os interessados tiveram o prazo para fazer a inscrição e participar da atividade. FRANCISCA destacou que a ação serve também para incentivar as famílias ter hábitos alimentares saudáveis com o consumo de frutas regularmente. Por isso, o programa inclui orientações técnicas sobre o manejo das arvores.

A Secretaria de Secretaria de Saúde de São Miguel do Oeste vai realizar mais uma edição do projeto "Saúde e Yoga na Praça" neste domingo. A atividade será na praça Walnir Bottaro Daniel, das nove as dez da manhã. Os interessados devem comparecer no local com materiais pessoais como toalha ou colchonete. De acordo com o secretário de Saúde, LEONIR CARON, os profissionais do Espaço Surya Yoga estarão coordenando a atividade que já tem muitos adeptos. Ele explicou que a parceira para o projeto Yoga na Praça tem o objetivo de trazer qualidade de vida e saúde aos moradores do município.

A Administração de São Miguel do Oeste prorrogou o prazo para as inscrições do Processo Seletivo Simplificado para contratação imediata de Professor de Língua Portuguesa. As inscrições seguem até o dia 12 de agosto Os interessados podem fazer a inscrição em horário comercial na secretaria Municipal de Gestão de Pessoas e Transparência. O edital e demais informações estão disponíveis em www.saomiguel.sc.gov.br.

O projeto de lei que cria a Contribuição de Melhoria por obras de pavimentação asfáltica foi rejeitado nesta semana pela câmara de vereadores e não sofrerá uma segunda votação. A proposta autorizava a prefeitura a cobrar a contribuição dos moradores em decorrência da valorização imobiliária por conta de obras de pavimentação asfáltica. Na visão do executivo, o asfalto contribui para o aumento do valor dos imóveis e, por isso, o município poderia cobrar essa taxa dos moradores. No projeto que foi encaminhado para a câmara, a prefeitura cita as ruas que serão asfaltadas e institui a cobrança da contribuição dos moradores. O valor da taxa seria proporcional ao custo total da obra, na razão de 25 por cento sobre o custo efetivo a ser pago em cota única ou em até 24 vezes. Dessa forma, o valor varia de acordo com tamanho o imóvel de cada morador.

A contribuição de melhoria é um imposto complexo e de difícil aplicação. A afirmação é da vereadora do P, MARIA TEREZA CAPRA. Ela explicou que a taxa seria cobrada de proprietários de imóveis que estão localizados em ruas que receberão o asfalto que será construído com recursos do empréstimo feito pelo prefeitura na caixa econômica federal. A vereadora, que votou contra o projeto, argumentou que não existe uma clareza sobre a necessidade efetiva dessa cobrança e nem sobre a eventual valorização dos imóveis em decorrência do asfalto. A matéria também não prevê, por exemplo, o que vai acontecer com os moradores que não aceitarem o asfalto. A matéria foi rejeitada com o voto contrário de sete vereadores.

Faltaram explicações do poder público sobre o projeto que pretendia instituir a contribuição de melhoria sobre as obras de pavimentação nas ruas da cidade. A posição é da vereadora do PT, MARIA TEREZA CAPRA. Ela comentou que o governo municipal deveria ter discutido mais o projeto com a câmara e com a comunidade. Segundo a petista, a prefeitura deveria ter revelado a intenção de cobrar a contribuição quando encaminhou para a câmara o projeto de autorização fazer o empréstimo na caixa. Na visão da petista, faltou diálogo por parte do poder executivo.

A Câmara de Vereadores aprovou em primeiro turno, nesta quinta-feira, o projeto de que proíbe o uso de narguilé ou cachimbos d'água em locais públicos. A lei também impede a venda do cachimbo, essências e complementos para crianças e adolescentes no município. A autoria do projeto é do vereador do MDB, CLAUDIO BARP. O texto discrimina os locais públicos em que o uso de narguilé passa a ser proibido: praças, ginásios, área de lazer, escolas, bibliotecas e espaços esportivos, espaços de exposições, centro de eventos, vias e passeios públicos e qualquer local onde houver concentração e aglomeração de pessoas. O projeto ainda precisar ser votado em segundo turno antes de ser enviado ao prefeito WILSON TREVISAN.

A elaboração do projeto que proíbe o consumo de narguilé em espaços públicos da cidade é fruto de uma preocupação que envolve a câmara e professores do município. A explicação é do vereador do MDB, CLAUDIO BARP. Ele disse que conversou com alguns professores e eles relataram a preocupação com o envolvimento de estudantes com a prática de consumo coletivo de narguilé. BARP disse que o objetivo do projeto de lei é promover a saúde e proteger a vida dos adolescentes.

O texto que proíbe o consumo de narguilé em espaços públicos autoriza a venda do produto em tabacarias com ambiente específico para a prática. A explicação é do vereador CLAUDIO BARP. Ele disse que a comercialização desse tipo de produto pode ocorrer, desde que não seja para adolescentes. Menores de 18 anos também não podem permanecer ou frequentar as tabacarias ou espaços onde acontece a venda. O projeto prevê que os estabelecimentos devem solicitar documento de identidade do comprador para comprovar sua maioridade. A fiscalização ficará a cargo do Município, que poderá firmar convênio com outras instituições. A regulamentação da lei deverá ocorrer em até 60 dias.

A empresa que faz a gestão do estacionamento rotativo anunciou nesta semana a ampliação da zona azul no centro de São Miguel do Oeste. De acordo com o responsável pela empresa no município, JUNIOR DE OLIVEIRA, o rotativo será ampliado para mais duas quadras na rua Quinze de Novembro. A cobrança pelas vagas e estacionamento também vai acontecer nas quadras do Hotel Solaris e do supermercado da Cooperalfa. JUNIOR explicou que o pedido para instalação do rotativo nesse espaço foi solicitado por empresários à prefeitura e a Serbet em razão da grande ocupação das vagas nessas quadras. Ele disse que essas ruas sem cobrança são usadas como “escape” pela pessoas que não querem pagar o rotativo.

A cobrança do rotativo em mais duas quadras na rua Quinze de Novembro deve começar no início de setembro. A informação é do responsável pela Serbet no município, JUNIOR DE OLIVEIRA. Ele disse que a ampliação foi autorizada nesta semana e a pintura das faixas e colocação da sinalização deve começar nos próximos dias. Além disso, a empresa vai instalar um parquímetro no local. JUNIOR citou que a cobrança pela vagas deve começar dentro de 30 dias, mas que a população já deve ir se acostumando com o rotativo também nessas duas quadras da rua Quinze de Novembro.

A câmara de vereadores aprovou uma moção de apelo para que a empresa Serbet e o município não façam a ampliação da zona azul na rua Quinze de Novembro. O pedido foi apresentado pelos vereadores VAGNER PASSOS e MARIA TEREZA CAPRA. Segundo os vereadores, não há necessidade de ampliar a área do estacionamento rotativo. Eles afirmaram que em muitas quadras em que já existe a zona azul, há sempre vagas desocupadas, demonstrando que não há a necessidade de ampliação. O pedido aprovado na sessão de ontem à noite será enviado ao prefeito WILSON TREVISAN e a empresa que faz a gestão do estacionamento rotativo no centro da cidade.

A prefeitura de São Miguel do Oeste denunciou mais um caso de vandalismo na praça Walnir Botaro Daniel. Durante a noite passado, vândalos destruíram parcialmente um dos bancos do local e fizeram pichações na área coberta. Eles usaram um spray para pintar palavras como “PCC” e as iniciais de “Comando Vermelho” em pelo menos três pilaras da cobertura da rua Duque de Caxias. A prefeitura fez um boletim de ocorrência e a Polícia Civil vai apurar a responsabilidade pelos danos causados ao patrimônio público.

Um carro despencou da calçada e atingiu parte da estrutura da ONG Amigo Bicho no centro de São Miguel do Oeste. O acidente aconteceu durante a madrugada na rua Sete de Setembro, proximidades da Rede Peperi. Um carro invadiu a calçada e despencando no terreno que fica em um patamar abaixo do nível da rua. O veículo atingiu parcialmente a casa onde o Brechó do Amigo Bicho está instalado. Os danos foram de grande monta, mas ninguém ficou ferido. A guarnição do Corpo de Bombeiros também foi acionada para prestar o atendimento. As fotos do acidente estão no portal da Peperi na internet.

Uma mulher ficou ferida em um acidente de trânsito nesta quinta-feira na Waldemar Ramgrab. A colisão traseira aconteceu por volta das quatro horas nas proximidades do clube Jardim e envolveu uma Fiesta e uma moto Biz. A condutora da moto de Tunápolis sofreu ferimentos no braço e na perna. Ela precisou de atendimento do Corpo de Bombeiros. A caroneira saiu ilesa do acidente.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.