ÁUDIOS
Globo em Foco - Peperi - AM

Globo em Foco sábado 06 04 19

-BOLSONARO ADMITE QUE PODE DEMITIR MINISTRO DA EDUCAÇÃO

-EXPORTAÇÃO DE CARNE SÚINA DE SC CRESCE 16 POR CENTO EM MARÇO

-COLETA DE PNEUS ABRE SÉRIE DE AÇÕES PARA ENFRENTAR AVANÇO DA DENGUE

-MP DENUNCIA DOIS VEREADORES POR CORRUPÇÃO PASSIVA

-JUSTIÇA DETERMINA AFASTAMENTO DE GRASSI DA CPI DOS ASSESSORES

-CAPOTAMENTO NA BR 158 DEIXA MOTORISTA FERIDO

-MOTOCICLISTA FICA FERIDO EM ACIDENTE NO CENTRO DA CIDADE

O tempo é de..... A previsão para as próximas horas é de nebulosidade variável e chuva isolada. A temperatura pode chegar a 24 graus. A mínima das últimas horas foi de 14 graus.

A Bolsa de Valores de São Paulo fechou a sexta-feira em alta. O dólar paralelo está cotado em três reais e 80 centavos para a compra e quatro reais e cinco centavos para a venda. O euro está valendo quatro reais e 45 centavos para a compra e quatro reais e 65 centavos para a venda. Já o peso argentino está cotado a nove centavos para a compra e 10 centavos e meio para venda.

Moeda estrangeira e câmbio comercial, sem complicações e com segurança: Conte com o Sicoob São Miguel!

Um incêndio florestal na Coreia do Sul deixou uma pessoa morta e onze feridas perto da fronteira norte-coreana, afirmaram as autoridades nesta sexta-feira. O governo decretou estado de catástrofe natural, algo incomum no país, após a mobilização de quase 10 mil bombeiros. O incêndio começou na quinta-feira à noite e cerca de quatro mil pessoas precisaram ser resgatadas. Os bombeiros usaram 870 caminhões para combater o fogo e o exército enviou 32 helicópteros e 16 mil e 500 militares.

Em apenas três minutos, um grupo armado de seis pessoas invadiu a pista do aeroporto internacional de Bajío, no estado mexicano de Guanajuato, e roubou milhões de pesos mexicanos de um carro-forte. Não há confirmação do valor roubado, mas os valores citados são de 20 e 46 milhões de pesos mexicanos, cerca de quatro e nove milhões de reais. Homens armados em uma caminhonete burlaram o sistema de segurança do aeroporto e feriram funcionários do transporte de carga, que levavam o dinheiro para um avião. A ação foi semelhante ao roubo cometido recentemente no aeroporto de Blumenau.

Um relatório do Banco Mundial divulgado nesta semana afirma que a pobreza aumentou no Brasil entre 2014 e 2017, atingindo 21 por cento da população. O estudo apontou que 43 milhões de pessoas passou a viver com menos 20 reais por dia. O Banco Mundial avalia que o fraco crescimento da América Latina e Caribe, especialmente na América do Sul, afetou os indicadores sociais no Brasil, país que possui um terço da população de toda a região.

O porta-voz da Presidência da República, OTÁVIO RÊGO BARROS, informou nesta sexta-feira que não haverá horário de verão neste ano. Inicialmente, ele disse que o governo havia decidido acabar com o horário de verão. Questionado sobre detalhes da medida, respondeu: "Esta é a posição para este ano. Para o próximo ano, faremos avaliação posterior". De acordo com o porta-voz, o Ministério de Minas e Energia fez uma pesquisa segundo a qual 53 por cento dos entrevistados pediram o fim do horário de verão. Em rede social, o presidente BOLSONARO confirmou que não haverá o horário especial na temporada 2019-2020.

O presidente JAIR BOLSONARO indicou nesta sexta-feira que o ministro da Educação, RICARDO VÉLEZ RODRÍGUEZ, pode deixar o cargo na segunda-feira. Segunda-feira vai ser o dia do 'fico ou não fico'", disse o presidente na manhã desta sexta. BOLSONORA também declarou à imprensa que "está bastante claro que não está dando certo" o trabalho de VÉLEZ no Ministério da Educação. Segundo ele, "está faltando na gestão" da pasta. O Ministério da Educação vive uma crise que se arrasta desde a metade de janeiro por conta de uma disputa interna opõe dois grupos que têm visões distintas de como a pasta deve operar.

O ministro da Educação RICARDO VÉLEZ RODRÍGUEZ disse nesta sexta no fórum empresarial Lide, em Campos do Jordão, que não vai entregar o cargo. A declaração foi dada após o presidente JAIR BOLSONARO indicar que pode demiti-lo no início da próxima semana. VÉLEZ disse, ainda, que não falou com BOLSONARO. Perguntado sobre se sairia do ministério, VÉLEZ disse que "agora não". Sobre a declaração de BOLSONARO, ele afirmou que não tinha sido informado. A polêmica mais recente envolvendo o ministro foi a declaração dada em entrevista ao jornal Valor Econômico de que pretendia revisar livros didáticos sobre o golpe de 1964 e a ditadura militar.

Os casos de feminicídios em Santa Catarina praticamente dobraram nos primeiros meses de 2019, quando comparado ao mesmo período do ano passado. Desde primeiro de janeiro, 15 mulheres acabaram mortas apenas pelo fato de serem do sexo feminino ou foram vítimas de violência doméstica. Nos primeiros meses de 2018 foram oito casos foram registrados. O caso mais recente é o da advogada LUCIMARA STASIAK, de 30 anos, que foi morta a facadas. O companheiro dela é apontado como o principal suspeito. Outros 13 casos registrados no estado também foram praticados por companheiros ou ex-companheiros das vítimas. Em apenas uma das ocorrências o suspeito era cunhado da mulher que morreu. Todos os suspeitos são homens.

O mês de março foi marcado pela alta nos embarques da carne suína de Santa Catarina para a China, a retomada do mercado russo e o crescimento nas vendas para o Japão. Como resultado, o Estado exportou 29 mil e 700 toneladas de carne suína, faturando mais de 57 milhões de dólares, um aumento de 13 vírgula quatro por cento em relação ao mesmo período de 2018. No último mês, o volume de carne suína exportada por Santa Catarina cresceu 16 por cento do que no mesmo mês do ano anterior e seis por cento a mais do que em fevereiro. A China segue como o maior comprador da carne suína produzida no estado.

O governador CARLOS MOISÉS sancionou nesta sexta-feira o reajuste médio de quatro vírgula 29 por cento no salário mínimo regional do estado, retroativo a primeiro de janeiro de 2019. Dessa forma, os valores para as quatro faixas passam a ser: mil 158, mil 201, mil 267 e mil 325 reais. Assembleia Legislativa de Santa Catarina aprovou o projeto do Poder Executivo com os novos valores na quarta-feira. A proposta tinha sido enviada em 27 de março na forma de Projeto de Lei Complementar, mais de um mês depois de sindicatos e federações empresariais catarinenses terem assinado acordo para o reajuste médio.

O Peperi Debates deste sábado falou sobre o papel da família na escola. O programa de hoje discutiu como os pais e responsáveis podem se envolver com o processo de educação formal dos alunos. A família deve ajudar a fazer os temas e participar das reuniões quando é chamada ou também deve se envolver em decisões pedagógicas da escola? O Peperi Debates reuniu o secretário de Educação, PAULO DRUMM, a gerente regional de Educação, ELIANE GALEAZZI, a professora da rede estadual, SANDRA ZAWASKI e a presidente da APP da escola Jucelino Kubichek do bairro Estrela, KASSIE WANDCHER. O áudio e as fotos do programa estão no portal da Peperi na internet.

A família deve ter todo o espaço na escola. A afirmação é da gerente regional de Educação, ELIANE GALEAZZI. Ela entende que a escola deve reforçar os valores que os pais ensinam em casa e trabalhar a construção do conhecimento formal e cientifico dos alunos. Na visão de ELIANE, a escola precisa da família. Ela ressaltou que, muitas vezes, os pais não se envolvem com as questões escolares e acabam deixando para a escola situações que são responsabilidade da família. ELIANE afirmou que a relação escola-família deve ser intensificada porque a revolução positiva que a sociedade precisa só virá pela educação.

A participação da família na escola é fundamental para o desenvolvimento da criança. A posição é do secretário de Educação, PAULO RICARDO DRUMM. Ele disse que os pais devem e podem participar mais do dia-a-dia da escola e não apenas quando são chamados para reuniões. DRUMM reforçou que a escola precisa ter esse contato e essa parceria e que só assim a educação vai avançar. O secretário destacou que as definições pedagógicas como conteúdos e disciplinas são definidos por lei e devem ser discutidos por quem pé da áreas, mas os pais podem contribuir com a definição do projeto político pedagógico. A forma como os conteúdos serão trabalhados pode contar com a opinião dos pais.

As famílias podem e devem participar mais da escola de duas formas: uma é estar presente e acompanhar as atividades do filho e a outra é pela organização. O comentário é da professora SANDRA ZAWASKI. Sobre a segunda forma de participação, ela explicou que os pais tem o direito e o dever de discutir questões como o projeto político pedagógico e as formas de ensinar da escola. Segundo a professora, os pais não pode ser chamados apenas para ouvir e aprovar aquilo que na verdade já foi definido pela escola. A participação da família deve ser efetiva, em um processo de construção de uma educação de mais qualidade.

Os pais devem acompanhar o andamento dos filhos na escola, cobrando a participação e a aplicação dos conteúdos mínimos para a formação dos alunos. O comentário é da presidente da APP da escola Jucelino Kubichek do bairro Estrela, KASSIE WASNDCHER. Ela disse que os pais devem se preocupar com o crescimetno dos filhos e se o conteúdo está sendo bem desenvolvido pelos professores. Para ela, as definições pedagógica devem ser definidas pelas equipes técnicas da escola. KASSIE também entende que os pais devem manter um contato frequente com a escola e não apenas quando aparece um problema ou nas reuniões promovidas pela unidade.

O Centro de Apoio à Pessoa Idosa vai realizar um jantar hoje a noite com o objetivo de arrecadar recursos para a entidade. O evento vai ser realizado no centro comunitário do bairro Agostini. Trata-se de um risoto de costela bovina. Os ingressos custam 20 reais para adultos e 12 para crianças. De acordo com a presidente da entidade, MARIA HELENA DOTTO, o Ceapi está buscando recursos para a construção de um abrigo de idosos. A estrutura será construída em um terreno cedido pela prefeitura bairro São Jorge. O Ceapi tem prazo até novembro para começar a obra. A entidade precisa finalizar a construção em quatro anos, sob pena de ter que devolver o terreno ao município.

A Superintendência do DNIT em Santa Catarina confirmou nesta sexta-feira que a empresa responsável pela execução das obras de melhorias na BR 282 fará novas detonações de rochas na próxima semana. Na terça-feira, dia nove, os trabalhos estão programados para o meio-dia e a três da tarde em dois pontos de Chapecó, a uma da tarde em Nova Erechim, as nove da manhã em Maravilha e as duas da tarde na região do trevo de acesso ao município de Flor do Sertão. Já na quinta-feira, dia 11, as detonações estão previstas para as nove horas da manhã também nas proximidades do trevo de acesso ao município de Flor do Sertão.

O objetivo das detonações de rochas ao longo da BR 282 tem o objetivo de facilitar a abertura de frentes de serviço para a adequação de capacidade e restauração da rodovia. A informação está no comunicado distribuído ontem pelo Dnit. O órgão do governo estima que tempo para a liberação do tráfego de veículo é de cerca de uma hora. Durante o trabalho de detonação das rochas haverá equipes para o controle e sinalização da rodovia. Além disso, serão adotadas outras medidas para agilizar a liberação do tráfego. Na semana passada, o trabalho ocorreu na terça e na quinta-feira com formação de longas filas de veículos na rodovia.

A secretaria de saúde começou neste sábado a implantar as ações definidas na quinta-feira para enfrentar o avanço da dengue no município. A campanha de recolhimento de pneus e lixo eletrônico vai acontecer durante todo o dia. De acordo com o secretário de saúde, LEONIR CARON, os materiais devem ser levados pelos moradores até o prédio do antigo Besc. Os pneus e entulhos eletrônicos serão recolhidos e serão encaminhados para o destino adequado. A campanha começou as oito da manhã e vai até as cinco da tarde. Além disso, a secretaria de saúde vai retomar as reuniões com as comunidades para pedir pedir um envolvimento maior das pessoas na eliminação dos focos da dengue. O primeiro encontro deve ocorrer no dia 18, quinta-feira da semana que vem no bairro São Sebastião.

Além da campanha de recolhimento de lixo eletrônico e das reuniões na comunidade, a sala de situação vai promover, a partir da semana que vem, mais três medidas principais contra a dengue: a Secretaria de Saúde irá adquirir equipamentos especiais para a vistoria de calhas; a prefeitura fará um vídeo de alerta à população, a prefeitura fará um vídeo de alerta à população e o município vai condicionar a liberação de alvarás para as empresas à comprovação da limpeza de reservatórios de água da chuva, onde houver. São Miguel do Oeste tem 424 focos do mosquito e nesta quinta-feira, a diretoria de vigilância epidemiológica confirmou os dois primeiros casos de dengue em São Miguel do Oeste. Duas mulheres, uma moradora do bairro Andreatta e outra do São Luiz, apresentaram os sintomas da doenças no mês passado e tiveram os casos confirmados pelo Laboratório Central do Estado.

Hospital Regional de São Miguel do Oeste vai promover na próxima semana uma série de atividade para prevenção do câncer. O objetivo é conscientizar as pessoas da importância de cuidar da saúde e prevenir a doença. A principal ação da semana será uma palestra realizada no auditório do Sicoob de São Miguel do Oeste, na segunda-feira à noite. Os médicos VINICIUS NEGRO DALL´INHA e WILLIAM CASAGRANDE SANCHES, vão trazer dicas de como prevenir a doença. O evento começa as sete e meia e é aberto ao público. Não haverá cobrança de ingresso.

O Hospital Regional vai levar informações e orientações sobre a prevenção do câncer para as pessoas que passarem pela unidade nesta semana. De acordo com a gerente de enfermagem, MÁRCIA DREHER, as pessoas que estiverem no saguão de entrada do Hospital Regional vão receber orientações e terão acesso a vídeos sobre o tema. Profissionais da saúde também vão conversar com a população sobre os cuidados com a saúde e as formas de evitar os casos de câncer.

O setor de oncologia do Hospital Regional começou o atendimento em agosto de 2018 com apenas dois pacientes. Hoje, são 66 pessoas em tratamento de quimioterapia. A informação é da gerente de enfermagem, MÁRCIA DREHER. Ao todo, até março de 2019, foram realizadas mais de 130 cirurgias, mil 688 consultas e 225 internações no setor de oncologia. De acordo com ela, são números que demonstram a importância do atendimento prestado pelo hospital. MARCIA destacou que o serviço, sempre que preciso, passa por melhorias objetivando um atendimento humanizado e com resolutividade.

Os homens são a maioria no atendimento do setor de quimioterapia do Hospital Regional. 54 por cento dos pacientes são do sexo masculino. De acordo com a gerente de enfermagem, MÁRCIA DREHER, São Miguel do Oeste é o município com mais pacientes em tratamento. Um terço dos atendimentos são do município. Depois vem Maravilha com 15 por cento e Itapiranga com 10 por cento dos casos. Ela informou ainda que os tipos de câncer com mais incidência é o de mama que representa 31 por cento do total, seguido de próstata com 30 por cento e o de cólon com 13 por cento dos casos.

O vereador da bancada do Partido Progressista, CARLOS GRASSI, foi afastado da comissão parlamentar de inquérito que apura supostas irregularidades envolvendo os assessores de vereadores na câmara de São Miguel do Oeste. A decisão cautelar foi proferida em ação criminal movida pelo Ministério Público contra o vereador. Na sentença, a juíza ALINE MENDES DE GODOY proibiu GRASSI de se aproximar da ex-assessora e também determinou a “suspensão parcial do exercício do cargo público de vereador no município de São Miguel do Oeste, tão somente para afastá-lo, enquanto membro, da CPI.” Segundo o Ministério Público, o vereador foi afastado da comissão porque é um dos investigados dessa possível prática de corrupção passiva.

A medida preventiva da justiça atende a um pedido liminar feito pelo Ministério Público em uma ação criminal ajuizada contra os vereadores CARLOS GRASSI e ODEMAR MARQUES por corrupção passiva. Segundo a acusação, eles utilizaram, em razão do cargo, os serviços de suas assessoras parlamentares em atividades particulares. O MP alega que, além do trabalho na Câmara de Vereadores, os vereadores solicitaram que as assessoras prestassem trabalhos particulares, um deles em uma confecção de sua propriedade e outro em sua residência. O vereador ODEMAR MARQUES, que foi afastado do cargo de vereador por ameaçar testemunhas e servidores da casa, teve a medida cautelar revogada e retomou o mandato na semana passada. Já o vereador do PP, CARLOS GRASSI, foi afastado apenas da CPI que investiga as supostas irregularidades envolvendo os assessores. Ele pode recorrer da determinação judicial.

Os dois vereadores denunciados pelo Ministério Público por corrupção passiva podem ser sentenciados a penas que podem variar de dois a 12 anos de prisão, em caso de condenação. A ação criminal contra CARLOS GRASSI do PP e ODEMAR MARQUES do PDT foi ajuizada nesta quinta-feira pela promotora de justiça MARCELA FERNANDEZ. A justiça ainda não analisou o mérito e tomou apenas uma decisão cautelar de afastar GRASSI da CPI instaurada na casa, já que ele é um dos investigados. Além da ação criminal, o Ministério Público de São Miguel do Oeste vai ajuizar, nos próximos dias, uma ação de improbidade administrativa contra os dois vereadores. Nesse caso, se houver a condenação, eles podem perder a função pública e ter os diretos políticos suspensos.

A decisão cautelar de afastamento do vereador CARLOS GRASSI da CPI dos assessores foi comunicada na manhã de ontem ao presidente da Câmara de Vereadores, EVERALDO DI BERTI. Ele encaminhou a decisão ao presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito, VAGNER PASSOS. O vereador afirmou que os trabalhos da CPI seguirão normalmente, agora sem a presença do vereador CARLOS GRASSI. DI BERTI vai se reunir no fim de semana com a assessoria jurídica, com a Mesa Diretora e com a presidência da CPI para discutir o assunto e dar os encaminhamentos necessários. Novas decisões devem ser comunicadas no início da semana. A assessoria do vereador CARLOS GRASSI informou que o vereador e o Partido Progressista vão se manifestar em uma coletiva de imprensa que será realizada na semana que vem.

Um homem ficou ferido em um capotamento de veículo nesta sexta-feira na BR 158. O acidente aconteceu por volta das duas horas da tarde em Cunha Porã e envolveu uma Toyota Hilux de Cunha Porã e um caminhão de Cascavel. Com o impacto, a caminhonete capotou. O motorista da Hilux, de 56 anos, teve um ferimento na cabeça. Ele foi retirado do veículo e conduzido ao pronto socorro por populares antes da chegada dos bombeiros. O motorista do caminhão não sofreu ferimentos.

Um motociclista sofreu ferimentos em um acidente nesta sexta-feira no centro da cidade. A colisão aconteceu no início da tarde na rua Chuí e envolveu uma moto Biz e um Fusca. A condutora da motocicleta sofreu ferimentos, aparentemente leves, e foi socorrida pelos bombeiros. A mulher foi para o Hospital Regional onde recebeu atendimento médico.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.