ÁUDIOS
Globo em Foco - Atalaia - AM

Globo em Foco 06/03/19

Igreja quer que padres trabalhem a proposta de conscientização. O comentário é do padre CILDO ROCEMBACH da Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Campo Erê. Ele entende que a Campanha da Fraternidade deste ano, tem um tema muito importante e que as pessoas devem refletir sobre o assunto. O padre explica que a Campanha da Fraternidade é marcada pelo empenho de todos em favor da solidariedade e fraternidade, sempre abordando temas atuais. A cada ano propõe uma transformação social e comunitária, seja ela em desafios sociais, econômicos, culturais e até mesmo religiosos, onde toda a população envolvida na Campanha da Fraternidade é convidada a ver, julgar e agir.

Campanha da Fraternidade sempre começa na quarta-feira de cinzas e acontece durante o ano todo. Quem explica é o padre CILDO. Segundo ele, muitas pessoas acham que ela termina depois da Páscoa, mas não, ela dura até o fim do ano, junto com o Ano Litúrgico, onde são desenvolvidas diversas atividades pastorais. A Campanha da Fraternidade é trabalhada, debatida e refletida com toda a comunidade e de várias maneiras, complementa o padre.

Mundo inteiro reflete sobre o mesmo tema. Segundo o pároco da Paróquia Sagrado Coração de Jesus de Campo Erê, neste ano, a campanha pede que a sociedade se una nessa campanha e mostre seu potencial. Quando se fala Políticas Públicas são vários segmentos, explica o padre CILDO. Além das sociais que são as que mais ganham destaque, tem as áreas da educação, habitação, previdência social, as macroeconômicas, que englobam assuntos fiscais, monetários, cambiais, industriais e comerciais e a administrativa que envolve ações de democracia e participação social. O padre lembra que a celebração da Quarta-feira de Cinzas está marcada para as 20 horas na Igreja Matriz.

Temas das campanhas da Fraternidade mobilizam a sociedade. A observação é do padre ARMANDO MAGALHÃES da Paróquia Nossa Senhora das Graças de Palma Sola. Conforme ele, o fato das mensagens serem transmitidas através da igreja, com a palavra de Deus, toca mais o coração das pessoas. A reflexão que as pessoas fazem durante esse período é muito importante e com o tempo o resultado é muito positivo.

Mudar a mentalidade das pessoas é o primeiro passo para uma vida melhor. O pensamento é de ARMANDO MAGALHÃES, pároco da Paróquia Nossa Senhora das Graças de Palma Sola. Para ele, a Campanha da Fraternidade deste ano, vem para uma ampla reflexão do que cada ser humano está fazendo para construir garantir as políticas públicas necessárias para viver. Objetivo da campanha é estimular a participação em políticas públicas, à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja para fortalecer a cidadania e o bem comum, sinais da fraternidade.

Trabalho de conscientização não e fácil, mas igreja vai trabalhar para isso. A afirmativa é do padre ARMANDO. Conforme ele, objetivo é chegar a um consenso e todos entender as consequencias de não ser presente no seguimento de participação popular. Afirma que junto com as demais lideranças da Paróquia vai trabalhar para que seus fieis se conscientizem com a campanha e que os resultados sejam muito positivos.

Políticas Públicas representam soluções específicas para necessidades e problemas da sociedade. Essa é a mensagem que a Campanha da Fraternidade quer passar aos fieis. O padre RENEU ZORTEIA da Paróquia Santa Lúcia de Anchieta entende que é preciso que as políticas públicas sejam colocadas em prática, é preciso conscientizar a população que as ações e programas são desenvolvidos pelo Estado para garantir direitos que são previstos na Constituição Federal e em outras leis. A finalidade da campanha deste ano com o tema “Fraternidade e Políticas Públicas” e o lema “Serás Libertado pelo direito e pela justiça”, é através da religião causar reflexões que surtam resultados.

As igrejas são responsáveis por disseminar para a sociedade a Campanha da Fraternidade. Afirmação é do padre da Paróquia Santa Lúcia de Anchieta RENEU ZORTEIA. Para ele, outros meios também podem ser utilizados para auxiliar nessa conscientização do povo sobre os cuidados com a natureza e a vida. Escolas são um dos meios eficazes, cita o padre. Pois os alunos podem levar para a casa a reflexão.

Paróquia já trabalha campanha da Fraternidade 2019. Segundo o pároco em Anchieta, as lideranças já se reuniram para definir os meios de trabalhar a campanha. Além dos grupos que vão atuar nas comunidades, as escolas do município terão acesso ao material da campanha para trabalhar com os alunos, caso seja de interesse.

É importante a presença da Igreja católica na disseminação da reflexão do tema da Campanha da Fraternidade. O frei LUIZINHO da Paróquia São Lourenço Martir de São Lourenço do Oeste, relata que ela é apresentada por meio do clero e dos leigos, na busca pela participação e na resolução dos problemas sociais e em todo processo de formulação das Políticas Públicas.

Existem diversos tipos de Políticas Públicas. Além das sociais e de saúde, o padre de São Lourenço do Oeste, diz que tem as específicas ou setoriais como as do Meio Ambiente, Cultura, Agrárias, Direitos Humanos, Mulheres, negros, Jovens e outras tantas. A campanha da Fraternidade será trabalhada na paróquia em grupo. Desta forma, cita o padre será mais fácil disseminar o tema e o lema da campanha para a sociedade, e também fazer com ela tenha efeito positivo.

Campanha da Fraternidade 2019 é uma reflexão para cristãos. Para o padre ... da Paróquia Santa Rita de Cássia de Marmeleiro, o tema desse ano: Fraternidade e Políticas Públicas, é muito importante. Essa política que a campanha fala, não é o mesmo que eleições. Políticas Públicas, são ações permanentes realizadas pelos governantes em vista do bem comum dos cidadãos. Elas estão relacionadas a saúde, educação, direitos humanos, assistência social, economia, segurança pública, saneamento básico entre outras.

Como será a vida no futuro?. Essa é a grande preocupação das igrejas, segundo o padre da Paróquia Santa Rita de Cássia. É preciso perceber que as ações de hoje, refletem o dia de amanhã. Deste modo o tema “Fraternidade e Políticas Públicas” e o lema “Serás Libertado pelo direito e pela justiça, vem em boa hora e pede reflexão sobre nossas ações.

Resultados das campanhas da Fraternidade são aleatórios. De acordo com o padre da Paróquia Santa Rita de Cássia ... de Marmeleiro, algumas delas surtem frutos imediatamente, outras já demoram um pouco. O que vale cita o pároco é que está se criando consciência na população, para que elas possam ser protagonistas e refletir sobre Políticas Públicas é importante para entender a maneira pela qual elas atingem a vida cotidiana, o que pode ser feito para melhor formatá-las e quais as possibilidades de se aprimorar sua fiscalização.

O Globo em Foco volta amanhã, às 12 horas aqui, na Rádio Atalaia, emissora afiliada à Rede Peperi. Rádio Atalaia, orgulho de ser 100% regional! Feita pra você!. Alegria da nossa gente! ...Boa tarde.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.