ÁUDIOS
Globo em Foco - Peperi - AM

Globo em Foco terça-feira 02 06 2020

-STF JULGARÁ NO PRÓXIMO DIA 10 VALIDADE DO INQUÉRITO DAS 'FAKE NEWS'

-GOVERNO DEFINE NOVO CRONOGRAMA PARA TRANSPORTE E EDUCAÇÃO

-SÃO MIGUEL TEM TRÊS NOVOS CASOS E 26 PESSOAS RECUPERADAS DA COVID-19

-PREFEITO CONFIRMA AMPLIAÇÃO DO COMITÊ DE CRISE DO CORONAVÍRUS

-MUNICÍPIO FECHA 156 VAGAS DE EMPREGO EM ABRIL MAS SALDO DO ANO AINDA É POSITIVO

-POLÍCIA MILITAR VOLTA A INTERDITAR BAR POR AGLOMERAÇÃO DE PESSOAS

-HOMEM PERDE DOIS MIL E 400 REAIS EM GOLPE APLICADO POR WHATSAPP

O tempo é de..... A previsão para as próximas horas é de céu encoberto com chuva. A temperatura pode chegar a 15 graus. A mínima das últimas horas foi de 10 graus. Agora, na Central de Jornalismo da Peperi, ... graus. Umidade relativa do ar ... por cento.

O dólar paralelo está cotado a cinco reais e 40 centavos para a compra e cinco reais e 80 centavos para a venda. O euro está valendo seis reais para a compra e seis reais e 30 centavos para a venda. Já o peso argentino está cotado a quatro centavos para a compra e cinco centavos e meio para venda.

A Rússia disponibilizará seu primeiro remédio aprovado para o tratamento de pacientes de covid-19 a partir da próxima semana. A expectativa da empresa que produziu o medicamento é que essa medida deve diminuir a pressão sobre o sistema de saúde e acelerar a volta à atividade econômica normal. Os hospitais russos podem começar a dar o remédio antiviral, registrado com o nome Avifavir, aos pacientes a partir de 11 de junho, disse o chefe do fundo soberano RDIF à Reuters em uma entrevista. Ele disse que a empresa responsável pelo remédio o fabricará em quantidade suficiente para tratar cerca de 60 mil pessoas por mês. Cientistas russos modificaram o remédio para otimizá-lo e que Moscou estará pronta para compartilhar os detalhes destas modificações dentro de duas semanas.

Nesta segunda-feira, dois novos laudos de autópsias declararam que a morte de GEORGE FLOYD - estopim dos protestos contra o racismo nos Estados Unidos - foi homicídio causado por asfixia. Uma delas foi divulgada pela família de Floyd, que contratou um legista independente. Segundo advogados, o exame apontou que a compressão do joelho policial sobre o pescoço cortou o fluxo de sangue para o cérebro do ex-segurança. Além disso, o peso sobre as costas da vítima dificultou sua respiração. A autópsia inicial, apresentada pela cidade de Minneapolis, afirmava que não havia "nenhum achado físico que suporte o diagnóstico de asfixia traumática ou estrangulamento".

O presidente dos Estados Unidos, DONALD TRUMP, anunciou nesta segunda-feira a mobilização de milhares de soldados armados em Washington, depois dos distúrbios da noite de domingo, qualificando-os de uma "desonra". Em meio a uma onda de manifestações contra o assassinato, há uma semana, de GEORGE FLOYD, um homem negro, em Minneapolis por um policial branco, TRUMP anunciou que deslocará milhares de soldados para conter "os distúrbios, os saques, o vandalismo, os ataques e a destruição gratuita da propriedade". Os últimos dias foram marcados por uma série de manifestações, confrontos com a polícia e prisões de mais de quatro mil pessoas em 140 cidades dos Estados Unidos.

O presidente do Senado Federal, DAVID ALCOLUMBRE, deve colocar em pauta nesta terça-feira a votação do projeto da Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet, que vem sendo tratado como "PL das Fake News". Apesar de ser vinculado as notícias falsas, o projeto da lei não trata de forma específica sobre o tema, ou sobre o contexto de liberdade de expressão mas cria regras para que serviços e provedores na internet proíbam a ação de contas automatizadas, os robôs, e a criação de perfis falsos. O projeto também cria regras para o armazenamento e direito de contestação para quando conteúdos ou perfis forem sinalizados como falsos, contrários a lei ou a política de uso desses serviços. A proposta prevê a inclusão de tipificações criminais para quem criar contas falsas ou operar sistemas robotizados nas redes sociais.

O Supremo Tribunal Federal informou nesta segunda-feira que o presidente da Corte, DIAS TOFFOLI, marcou para o próximo dia 10 o julgamento de uma ação que questiona a validade do inquérito das fake news. A investigação foi aberta em 2019 para apurar ameaças a ministros do tribunal e a disseminação de conteúdo falso na internet. A ação em julgamento foi apresentada pelo partido Rede Sustentabilidade em 2019, mas, na última semana, a legenda pediu ao STF que o caso não seja analisado. No julgamento, os ministros devem decidir se o inquérito tem validade e até que ponto exige a participação do Ministério Público. A Rede pediu a suspensão porque, segundo o partido, houve “uma espécie de escalada autoritária por parte de alguns mandatários".

O Tribunal Superior Eleitoral recebeu dois bilhões do fundo eleitoral, que é voltado para partidos financiarem as campanhas de candidatos a prefeitos e vereadores nas eleições municipais deste ano. Agora, o tribunal deve definir nos próximos 15 dias a parcela que cada partido terá direito. O pleito está marcado para outubro, mas pode ser adiado em função da pandemia do coronavírus. O presidente do TSE, ministro LUÍS ROBERTO BARROSO, deve analisar ainda neste mês o adiamento, levando em consideração análises técnicas sobre a evolução da covid-19. Uma das possibilidades em estudo pelo TSE é dividir as eleições em dois dias diferentes para poder diminuir os riscos de aglomeração. Essa medida, no entanto, pode representar mais gastos com as eleições.

O registro de imóveis feito de forma online no estado cresceu 778 por cento em abril deste ano na comparação com o mesmo mês de 2019. O dado foi divulgado pela Central de Registradores de Imobiliários de Santa Catarina, plataforma que reúne todos os 129 cartórios de registro de imóveis do estado. O órgão afirmou que o aumento se deve à pandemia do coronavírus, que provocou o isolamento social, e à possibilidade de envio de documentos para registro em formato eletrônico. Houve crescimento também na comparação entre abril e fevereiro deste ano. Neste caso, o aumento foi de 490 por cento. Em fevereiro, ainda não havia o isolamento social.

Santa Catarina teve queda de 70 por cento na soma das ocorrências de furtos, roubos e saques de cargas em 2019, comparado ao ano anterior: ano passado foram 60 ocorrências e em 2018 foram 198. Segundo a Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas, a redução é resultado da troca de informações das equipes o entrosamento entre policiais envolvidas nas investigações e parceria do poder público e privado. As ocorrências de roubo de carga tiveram redução de 74 por cento, passando de 111 registradas em 2018 para 28 em todo o ano de 2019, segundo os dados apresentados pela polícia. O mesmo ocorreu com o crime de furto, que apresentou uma queda de 70 por cento em 2019 em Santa Catarina. Os números referentes aos quatro primeiros meses deste ano também foram divulgados e entre janeiro e abril de 2020, foram registradas 27 ocorrências totais de roubos, furtos e saques. No mesmo período de 2019, foram atendidas 51.

Com a assinatura do novo decreto nesta segunda-feira, um novo cronograma para o retorno de atividades suspensas foi elaborado. O transporte coletivo municipal e intermunicipal poderá retornar a partir do dia 8 de junho. Já as aulas presenciais nas redes privada e pública, nas esferas municipal, estadual e federal seguem suspensas até o dia dois de agosto. De acordo com o decreto, a partir do dia 8 de junho, os prefeitos poderão autorizar a liberação do transporte coletivo municipal de passageiros. Isso não significa a liberação automática e imediata em todo o território catarinense, pois os municípios precisam apresentar os critérios necessários para a retomada do serviço com segurança. Já as deliberações para o retorno das aulas presenciais a partir de agosto serão norteadas por critérios técnicos e científicos, balizados pela Secretaria de Estado da Saúde. No ensino superior, a aulas podem voltar no mês que vem.

A BR 282 será bloqueada nesta quarta-feira para a execução dos serviços de detonação de rochas no trecho entre São Miguel do Oeste e Maravilha. A rodovia será interditada em dois pontos e em dois horários. O primeiro será às nove horas da manhã e o segundo a partir da uma hora da tarde. Um dos bloqueios será no quilômetro 614 em Maravilha e o outro será no quilômetro 617, próximo ao trevo de acesso ao município de Iraceminha. Os trabalhos devem durar cerca de uma hora e a previsão é de que a passagem de veículos seja liberada a partir das dez e das duas horas da tarde. Os serviços serão executados pelas empresas contratadas pelo DNIT. Equipes vão sinalizar e orientar o trânsito nesta quarta-feira tanto na parte da manhã, quanto na parte da tarde.

O consumo de energia elétrica nas residências cresceu 14 por cento neste ano enquanto que as indústrias e o comércio está gastando menos com luz. A informação é do técnico em segurança do trabalho da Celesc, GILSON GOHLKE. Ele disse que as pessoas estão mais tempo em casa por conta da pandemia do coronavírus e isso provoca o aumento do consumo. GOHLKE também chamou a atenção para o risco de acidentes domésticos com eletricidade, especialmente entre crianças. Ele citou que no Brasil, o índice é de 650 a 700 acidentes fatais por ano nas instalações internas, uma média de duas pessoas por dia. O técnico destacou que a responsabilidade da Celesc, em relação às instalações é até a medição, a partir disso a responsabilidade é do consumidor. Ele disse que muitos acidentes acontecem pelas instalações precárias do sistema elétrico e as famílias devem estar atentas a manutenção e cuidados preventivos.

O município de Bandeirante recebeu nas últimas semanas quase um milhão de reais em emendas parlamentares vindas de deputados e senadores. A informação é do secretário de Administração e Fazenda, EDER MARCON. Conforme ele, ao todo, 747 mil reais já estão nos cofres da prefeitura, enquanto 200 mil reais deverão estar disponíveis nos próximos dias. Segundo ele, somando todos os valores, o município vai ter em caixa 947 mil reais oriundos das emendas distribuídas pelos políticos. De acordo com MARCON, a grande maioria desse valor será usado no setor da Saúde em ações diversas que visam beneficiar e atender toda a população.

Entre as emendas recebidas pelo município de Bandeirante está a destinada pelo senador JORGINHO MELLO do PL no valor de 100 mil reais. A afirmação é do secretário de Administração e Fazenda, EDER MARCON. Ele destacou que além dessa, o município recebeu 149 mil reais do deputado estadual MAURO DE NADAL do MDB e 300 mil reais do deputado federal PEDRO UCZAI do PT. Ele ressaltou que todo esse montante será usado na área da Saúde, como por exemplo, na compra de medicamentos, na realização de consultas, além de consertos diversos, combustíveis e viagens da secretaria de Saúde.

A prefeitura de Bandeirante também está com uma licitação em andamento no valor de 100 mil reais para a ampliação do Posto de Saúde central. O comentário é do secretário de Administração e Fazenda, EDER MARCON. Ele disse que o valor também é de emenda parlamentar do deputado estadual do PT, NEODI SARETTA. Ele revelou que o montante será usado na construção de uma área coberta na parte frontal da unidade de Saúde. MARCON salientou que nessa obra, o município vai entrar com 56 mil reais de contrapartida. O secretário lembrou que a prefeitura recebeu 98 mil reais do deputado federal, PEDRO UCZAI que será destinado às obras de calçamento. EDER MARCON salientou ainda que o município está aguardando a liberação de 200 mil reais do deputado estadual, PADRE PEDRO BALDISSERA do PT. MARCON reforçou que as emendas são bem-vindas e são de extrema importância no desenvolvimento do município de Bandeirante.

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, no dia 05 de Junho, a Polícia Militar Ambiental de Santa Catarina realizará durante a semana uma série de ações de forma on-line. Em razão da pandemia e da impossibilidade de ações presenciais, serão realizadas lives sobre diversos temas ambientais. As transmissões poderão ser acompanhadas pelo canal do Youtube da Polícia Ambiental. Conforme o comandante da Polícia Militar Ambiental no Extremo Oeste, Capitão EVERTON RONCAGLIO, a live de quinta ficará a cargo do pelotão de São Miguel do Oeste. A live será sobre pesca. Além disso, do pelotão irá lançar, diariamente nas redes sociais, vídeos elaborados pelos Protetores Ambientais da região com dicas ambientais.

A Campanha de Vacinação contra a Gripe foi prorrogada até o final deste mês. A informação é da coordenadora da imunização em São Miguel do Oeste, LEANDRA MORTARI. Ela disse que a decisão de postergar o prazo para vacinar os grupos prioritários partiu do Ministério da Saúde. Agora, as pessoas têm até o dia 30 de junho para se vacinar contra a doença. O prazo inicial terminaria na próxima sexta-feira, mas foi estendido para que a meta de imunização, que é de 90 por cento, seja alcançada. Esse período é também uma oportunidade para que as pessoas que fazem parte do público alvo de todas as fases e que ainda não tomaram a dose, possam se imunizar.

A secretaria de Saúde mantém o posto de vacinação da campanha contra a gripe na área coberta na praça Walnir Botaro Daniel. Na semana passada, a imunização ocorreu nos postos dos bairros, mas nesta semana voltou para a praça. O horário da vacinação é das sete e meia da manhã as cinco da tarde, sem fechar ao meio-dia. De acordo com a coordenadora da campanha, LEANDRA MORTARI, a estrutura da praça será desativada na sexta-feira. A partir da semana que vem, a vacinação só poderá ser feita na sala de vacinas do posto de saúde do centro. Até agora, o município já imunizou 11 mil 780 pessoas. O índice geral de cobertura vacinal é de 80 por cento.

A Associação catarinense dos supermercados está preocupada com o provável aumento de consumidores nas lojas a partir desta semana. De acordo com o vice-presidente da Acats, RAVIER CENTENARO, o início do mês, o pagamento dos salários e a renovação de convênios com as empresas pode levar um número maior de pessoas as compras. A entidade está preocupada com a aglomeração e a formação de filas para acessar os mercados. RAVIER comentou que as empresas adotaram uma série de medidas para evitar o contágio e os consumidores devem estar atentos aos riscos desse momento. Ele pediu que as pessoas evitem filas e procurem os mercados em horários alternativos.

Houve uma grande procura pelos mercados entre o final de março e começo de abril, nos primeiros dias do decreto do governador do estado, mas depois disso, a situação se normalizou e as vendas retornaram a patamar normal. A afirmação é do vice-presidente da Acats, RAVIER CENTENARO. Ele disse que os supermercados tiveram algumas dificuldades em se adaptar as novas normas sanitárias, mas agora todos estão respeitando a limitação de consumidores, cobrando o uso de máscara e fazendo a higienização dos carrinhos e espaços de uso comum. RAVIER comentou que os consumidores também estão mais consciente e respeitando as limitações impostas aos supermercados.

A alta dos preços praticados nos mercados não tem relação com a pandemia do coronavirus. A explicação é do vice-presidente da Acats, RAVIER CENTENARO. Ele citou que alguns produtos subiram de preço e outros caíram, o que é normal. De acordo com o supermercadista, a oscilação dos preços também ocorria antes da pandemia. RAVIER voltou a pedir a colaboração dos consumidores já que este é um momento novo para todos, inclusive para os supermercados que estão se adaptando a nova realidade. Ele destacou que as pessoas devem evitar os horários de pico e ir ao mercado em horários alternativos.

A semana começou com uma boa notícia em relação à pandemia do coronavírus: 19 pessoas se recuperaram da doença no município. Onze homens e oito mulheres que apresentaram os sintomas durante o mês de maio não estão mais com Covid-19. Ao todo, 26 já se recuperaram da nova doença. Ontem, mais três pessoas testaram positivo para Covid-19. Os novos casos são de duas mulheres de 20 e 60 anos e um menino de seis anos. Com isso, o município chegou a 64 moradores com a doença. 38 ainda estão em isolamento domiciliar e não há nenhum caso de internação hospitalar neste momento.

O maior número de pessoas contaminadas pelo coronavírus em São Miguel do Oeste é do sexo feminino. Do total de 64 casos, 40 são mulheres, o que representa 62 por cento. 24 pacientes são homens. Em relação a faixa etária, 17 moradores que contraíram Covid-19 tem entre 40 e 49 anos. 16 pacientes tem entre 20 e 29 e outros 15 se situam na faixa etária dos 30 aos 39. 12 moradores com coronavírus tem mais de 50 anos e quatro tem menos de 19. Os dados foram divulgados na manhã de hoje pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde.

A administração municipal vai ampliar o comitê de crise do coronavírus. A informação foi confirmada agora à pouco no Peperi Entrevista pelo prefeito WILSON TREVISAN. Ele disse que o assunto foi discutido ontem em reunião com a secretária de Saúde, GENI GIRELLI e com o coordenador do comitê, MAURICIO PIACENTINI. Segundo o prefeito, o comitê vai envolver também representantes dos setores empresarial, sindicatos, Unoesc e escolas públicas e privadas. A decisão também se deve ao decreto de gestão compartilhada das ações de combate ao coronavírus entre estado e municípios. TREVISAN comentou que o comitê vai discutir com serenidade e com todos os setores as novas medidas de enfrentamento ao vírus.

154 postos de trabalho foram fechados no município no mês de abril. De acordo com dados do novo cadastro geral de empregados e desempregados do Ministério da Economia, São Miguel do Oeste teve 297 admissões em abril e 451 desligamentos. O comércio foi o setor com o pior resultado em relação ao emprego formal com um saldo negativo de 82 vagas. O setor de alimentação teve 19 demissões a mais do que contratações. Na construção civil, o saldo foi negativo em 12 postos de trabalho. Em Santa Catarina, o total de demissões superou o número de admitidos em 73 mil 111 vagas.

Apesar do resultado ruim de abril, São Miguel do Oeste contratou mais do que demitiu em 2020. Os dados do Caged de janeiro a abril apontam que foram admitidas duas mil e 47 pessoas e desligadas mil 901 na cidade, resultando em um saldo positivo de 146 vagas. Os números da cidade-polo do Extremo Oeste vão na contra mão dos dados nacionais e estaduais. No primeiro quadrimestre do ano, o país teve um saldo negativo de 763 mil vagas e em Santa Catarina foram 31 mil demissões a mais do que admissões. No caso de São Miguel do Oeste, o setor industrial foi o que mais contribuiu para esse resultado positivo entre janeiro e abril com um saldo de 111 vagas abertas. Já o comércio, fechou os primeiros quatros meses do ano com 95 postos de trabalho a menos no município.

11 dos 19 municípios da Ameosc tiveram mais contratações do que demissões nos primeiros quatro meses do ano. De acordo com dados do novo Caged, sete cidades tiverem resultados negativos e um teve saldo zero. No geral, a região da Ameosc ficou com um saldo positivo de 181 novas vagas. 80 por cento desse saldo são em São Miguel do Oeste que teve 146 admissões a mais do que desligamentos. Itapiranga foi o segundo município com melhor saldo: 81 postos de trabalho abertos entre janeiro e abril. O prefeito, WILSON TREVISAN, analisa os dados de forma cautelosa. Para ele, este é o resultado de um conjunto de fatores que envolve as ações da administração e da iniciativa privada. Ele ressaltou, no entanto, que a situação de pandemia está sendo enfrentada em todo o mundo e um dos seus reflexos será o desemprego.

A Polícia Militar flagrou mais uma aglomeração de pessoas e voltou a interditar um estabelecimento comercial nesta segunda-feira em São Miguel do Oeste. A PM atendeu uma ocorrência de descumprimento das normas de prevenção ao coronavírus em um bar no Bairro Estrela e flagrou oito pessoas saindo de uma sala por uma porta dos fundos do prédio. No local, havia uma mesa redonda com baralho espalhado, um celular e um rascunho de anotação. O proprietário confirmou que alguns clientes estavam jogando cartas no local, "para se distrair". O estabelecimento já havia sido interditado na data de 30 de abril de 2020 e voltou a ser fechado ontem. O dono do bar vai responder pelo crime de Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. A pena pode chegar a um ano de detenção e multa.

Um homem perdeu dois mil e 400 reais no golpe do whatsApp nesta segunda-feira no município. De acordo com a Polícia Militar, um homem relatou que recebeu uma massagem no aplicativo de conversa com a pessoa se identificou como sendo a irmã dele. O contato, inclusive, tinha a mesma foto que ela usa de perfil. A falsa irmão alegou que não possuía limite para transferência eletrônica e solicitou um depósito no valor de dois mil e 400 reais. A vítima efetuou dois depósitos, um de mil e cem e outro de mil e 300. Os golpistas pediram mais cinco mil reais, mas ele não atendeu esse novo pedido. À noite, ele entrou em contato com a irmã e percebeu que tratava -se de um golpe. A Polícia Militar coletou os dados e efetuou boletim de ocorrência.

PROGRAMAS

Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.