16.11.2017 às 13:27h - atualizado em 16.11.2017 às 16:58h - Saúde

Dívida do estado com Hospital Regional não será zerada neste ano, afirma secretário

Cristian Lösch

Por: Cristian Lösch São Miguel do Oeste - SC

Dívida do estado com Hospital Regional não será zerada neste ano, afirma secretário

Em uma reunião no anfiteatro do Hospital Regional de São Miguel do Oeste, na manhã desta quinta-feira, 16, o Secretário de Estado da Saúde, Vicente Caropreso, afirmou que a dívida com o regional não será acertada este ano, nem com o Instituto Santé e muito menos com outras organizações sociais. Além disso, ele disse que Santa Catarina está devendo para a unidade hospitalar do município mais de R$ 10 milhões.

Neste momento, além deste assunto, a vinda do secretário à região foi porque a saúde está promovendo encontros com prefeitos da região para intensificação do combate ao mosquito Aedes aegypti no estado. Hoje, São Miguel do Oeste tem mais de 480 focos e é considerado um dos municípios na área de risco.

Também foi comentado sobre a instalação do setor de Oncologia no Hospital Regional. Caropreso falou, que o Ministério da Saúde aprovou a plano operacional da oncologia no município. O secretário reforçou que são dois problemas, o primeiro é de uma verba que seria destinado para a compra de equipamentos para o tratamento de pessoas, mas uma grande parte desta verba foi tomada pela judicialização, assim o recurso foi devolvido ao ministério porque o prazo do contrato se encerrou, porém existe um compromisso do ministro de conseguir novamente esse dinheiro para o Centro de Oncologia.

A segunda situação que está inviabilizando a instalação, é o pagamento mensal deste setor, que custa de R$ 800 mil à R$ 1 milhão por mês para manter essa área e os profissionais. Para finalizar, Caropreso afirmou que é impossível que isso aconteça para esse ano, e pediu uma pressão das autoridades e lideranças do oeste para que o montante seja incluído no próximo orçamento. O problema maior é o custeio deste local, segundo o Secretário de Saúde de Santa Catarina, Vicente Caropreso.

O Secretário de Saúde do município, Leonir Caron, entregou um documento para o Caropreso, tornando público assim um fato que já vem acontecendo a dois meses. Caron relatou para a reportagem da Peperi, que esse documento entregue é pra deixar o Secretário de Estado da Saúde informado de que os pacientes de São Miguel do Oeste, que são destinados a Chapecó para buscar o serviço de oncologia, não estão sendo recebidos e querem que isso seja resolvido.

- OUÇA A ENTREVISTA.

Comentar pelo Facebook

Advocacia Fávero
AL Contabilidade
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.