15.05.2017 às 08:04h - atualizado em 15.05.2017 às 10:26h - Geral

Estado catarinense quer aumentar produção de gado de corte

João Bresolin

Por: João Bresolin São Miguel do Oeste - SC

Estado catarinense quer aumentar produção de gado de corte

Santa Catarina já é o maior produtor nacional de suínos e o segundo maior de aves e, agora, quer melhorar a produção de gado de corte no país. O estado ocupa atualmente o 13º lugar na produção brasileira de bovinos, sendo que ainda precisa importar cerca de 40% da carne que consome.

Apesar dos números ainda baixos, o cenário tem melhorado ano a ano. Entre 2011 e 2015, o rebanho no estado cresceu 8,49%, enquanto que o Brasil apresentou aumento de apenas 1,12%. No mesmo período, a carne bovina chegou à sexta posição no ranking dos produtos mais importantes para o agronegócio catarinense.

Segundo o engenheiro agrônomo da Epagri e especialista em reprodução animal, Cassiano Eduardo Pinto, nos últimos 10 anos, houve uma ideia nacional de reduzir a pecuária para dar lugar ao plantio de grãos, o que fez muitos estados aderirem a este plano. Porém, em Santa Catarina, foi diferente e houve aumento na produção de grãos e, ao mesmo tempo, a intensificação dos trabalhos na pecuária, fazendo com que o estado crescesse cerca de 70% em relação aos demais estados brasileiros.

O secretário de Agricultura, Moacir Sopelsa, destaca que o governo Estadual vem incentivando fortemente a pecuária de corte por meio de financiamentos com juros subsidiados, além de reduzir a alíquota do ICMS no âmbito do programa de Apoio à Criação de Gado para Abate Precoce, o que, na visão de Sopelsa, é fundamental para que o estado mantenha seu crescimento contínuo nesse setor.

Comentar pelo Facebook

AL Contabilidade
Advocacia Fávero
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.