Polícia

14.11.2017 às 08:03h - atualizado em 14.11.2017 às 09:48h - Polícia

Justiça sentencia indiciados na 2ª fase da Operação Falsário

Kelly Figueiró

Por: Kelly Figueiró São José do Cedro - SC

Justiça sentencia indiciados na 2ª fase da Operação Falsário

A Justiça Criminal Grau publicou sentença aos indiciados na “2ª fase da Operação Falsário", desencadeada em março deste ano, após meses de investigação pela Divisão de Investigação Criminal de São Miguel do Oeste.

O responsável pela Dic, delegado Cléverson Müller, explica que os indiciados foram condenados a penas que ultrapassam os 68 anos de prisão. Eles integravam uma associação criminosa responsável pela comercialização e distribuição de documentos públicos falsificados como cheque, Carteira Nacional de Habilitação e documento de veículo.

Segundo a sentença, Judite Lazarotto foi condenada a seis anos de reclusão, em regime inicialmente fechado, por organização criminosa.

Evaldinir Luiz Piancini Filho, teve a pena fixada em 38 anos de reclusão por infração aos crimes de organização criminosa, falsificação de documento, receptação, uso de documento falso, adulteração de sinal identificador de veículos (chassi, motor etc.) e corrupção ativa. Ele é considerado foragido e está sendo procurado pela polícia.

Everton de Oliveira Machado, foi sentenciado a 18 anos de reclusão por infração aos crimes de organização criminosa, adulteração de sinal identificador de veículo (chassi, motor, etc.) e receptação qualificada.

Maria Anedina Bonifário da Silva e Dayelli Fernanda Costa da Silva, foram condenadas a seis anos de reclusão, cada uma, por infração ao crime de receptação qualificada.

Além das penas de reclusão, os réus também foram condenados ao pagamento de dias-multa.

Foto(s): PC

Comentar pelo Facebook

Advocacia Fávero
AL Contabilidade
Fique por dentro das últimas novidades do Portal Peperi.